Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Contribuinte em dívida tem até dia 22 para aderir ao Refis municipal

03 dezembro 2017 - 10h45

Os contribuintes com dívidas em atraso junto à Fazenda Municipal em Dourados têm até o dia 22 de dezembro para quitar seus débitos, com até 100% de descontos dos juros e multas, no caso de pagamento à vista.

Poderão celebrar transação ou aderir ao programa de conciliação, pessoas física ou jurídica, com débitos tributários ou não, inscritos ou não em dívida ativa.

Para usufruir dos benefícios da Lei Complementar o sujeito passivo, pessoa física ou jurídica, deve aderir ao Refis até 22 de dezembro de 2017, mediante termo de acordo no qual constarão a qualificação das partes envolvidas, a descrição do débito, as condições e prazo de pagamento, data e assinaturas.

O termo de adesão ao programa é ato pessoal e será assinado, exclusivamente, pelo contribuinte ou por seu representante legal, devidamente constituído.

Os incentivos são para os fatos geradores ocorridos até 31 de agosto de 2017 e compreendem remissão de juros e multa de mora; remissão dos juros e multa de mora e dos juros de financiamento incidentes sobre o saldo remanescente de parcelamento com parcelas vencidas e não pagas no prazo acordado até a publicação da lei, e anistia de multa por infração à legislação tributária e não tributárias.

Para o pagamento à vista é concedida perdão de 100% dos juros e multa de mora incidente sobre o valor do débito; perdão de 100% dos juros e multa de mora incidente sobre parcelas vencidas de saldo remanescente de parcelamento; anistia de 80% do valor da multa por infração à legislação tributária e anistia de 20% do valor da multa por infração às demais legislações municipais.

Para o pagamento parcelado em até cinco parcelas mensais e sucessivas, sem juros de financiamento, a remissão é de 80% dos juros e multa de mora incidente sobre o valor do débito; de 80% dos juros e multa de mora incidente sobre parcelas vencidas de saldo remanescente de parcelamento e anistia de 60% do valor da multa por infração à legislação tributária.

O valor de cada parcela não poderá ser inferior a R$ 200,00 para pessoas físicas e de R$ 350,00 para pessoas jurídicas. No parcelamento, a entrada ou primeira parcela deverá ser de no mínimo 20% do valor total do débito ou do saldo remanescente de parcelamento.

O atendimento é na Central do Cidadão, na Avenida Presidente Vargas, em frente à Praça Antônio João, no horário das 7h30 às 13h30, de segunda a sexta-feira.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Decreto estabelece normas de biossegurança para o Dia de Finados em Dourados
JUSTIÇA
Fux diz que atuação do STF na pandemia está na vanguarda mundial
BRASIL
Receita abre amanhã consulta ao lote residual de restituição do IRPF
CULTURA
FCMS lança mais seis editais da Aldir Blanc no valor de R$ 1,4 milhão
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projetos buscam garantir vacinação da população brasileira contra Covid-19
NA CAPITAL
Com cocaína, homem tenta fugir de policiais e colide carro em viatura
MATO GROSSO DO SUL
Contágio se mantém estável, mas sobe número de internações por Covid
ECONOMIA
Confiança do comércio volta ao patamar de otimismo após 6 meses
ARTIGO
Seja a melhor versão de você mesmo!
INTERIOR
Em ação conjunta, polícia prende autor de vários roubos em Chapadão do Sul

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente entre carreta e motocicleta mata mulher na BR-163
HOMICÍDIO EM 2013
Condenada pela morte do ex em Dourados é presa na Capital
DOURADOS
Motorista bêbado causa acidente em semáforo da Avenida Marcelino Pires
DOURADOS
Carona de motociclista que morreu em acidente com carreta corre risco de ter perna amputada