Menu
Busca domingo, 17 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905
INFORME PUBLICITÁRIO

Como aliviar a dor de dente: conheça 6 dicas

04 dezembro 2020 - 14h06Por Informe Publicitário

A dor de dente pode ser causada por diversos fatores, como cáries, dentes quebrados, erupção do siso e muitos outros. Para realizar o tratamento adequado, o ideal é ir ao dentista o mais rápido possível. No entanto, sabemos que nem sempre se consegue fazer isso imediatamente. Como, então, aliviar o incômodo na dentição? É o que você aprenderá no texto de hoje.

Neste artigo, você ficará por dentro de 6 dicas infalíveis para aliviar o incômodo no dente (independentemente da causa que levou ao problema), desde bochechos com água salgada e chá de macela até a escovação, a mastigação de alimentos gelados e a aplicação de compressa de gelo e de substância oleosa à base de cravo-da-índia. Interessante, não é mesmo?

Além disso, entenda, a seguir, por que é importante se consultar com o dentista periodicamente para evitar problemas bucais e como a profilaxia, a raspagem e a restauração podem ser procedimentos preventivos para a dor de dente. Comece a leitura já e tire todas as dúvidas sobre o assunto!

Por que ir regularmente ao dentista mantém a saúde bucal?

A boca é um dos principais órgãos do corpo, uma vez que é responsável por várias funções, como a mastigação, a fonação e a respiração. No entanto, nem sempre as pessoas cuidam da saúde bucal, o que pode levar a sérios problemas no organismo.

Por isso, a indicação é se consultar com um cirurgião-dentista semestral ou anualmente. No consultório, o profissional consegue avaliar o funcionamento e a estética orais e, caso diagnostique alguma disfunção, indicará o tratamento adequado.

Que procedimentos preventivos evitam a dor de dente?

Na clínica odontológica, o especialista faz procedimentos que evitam a dor de dente. Para quem se pergunta sobre os mecanismos que ajudam a manter a saúde oral, a resposta está associada, por exemplo, à limpeza bucal, à raspagem e às restaurações. Mas você sabe quais são as diferenças e os benefícios desses métodos?

Profilaxia

A profilaxia é um dos primeiros procedimentos pelos quais você deve passar na clínica, com uma limpeza profunda de restos de alimentos e placas bacterianas entre os dentes. Após o método, você deve continuar em casa com a higiene oral, escovando a dentição após se alimentar e usando fio dental para remover impurezas do sorriso.

Raspagem

Tratamento odontológico que remove o tártaro entre os dentes e a gengiva, a raspagem dental não evita apenas a dor de dente. A técnica também é uma indicação para combater doenças sérias, como a periodontal, que compromete os tecidos de sustentação dentária.

O método pode ser realizado em uma ou várias sessões, a depender do grau de tártaro nos dentes, e é feito com instrumentos odontológicos e ultrassom, com os quais se remove a placa bacteriana endurecida na região gengival e na superfície da dentição.

Restaurações

Se você está com cárie ou fratura no dente, pode fazer uma restauração para evitar maiores incômodos na dentição. Inicialmente, o dentista remove a parte comprometida do dente e, depois, a região é novamente preenchida com material específico, o qual, a depender da estrutura perdida, tende a ser resina.

Que dicas seguir para aliviar a dor de dente?

O ideal é se consultar com o dentista e fazer a profilaxia rotineiramente para evitar problemas bucais. No entanto, se você já estiver sentindo dor de dente e não puder ir com urgência ao consultório, que medidas ajudam a amenizar o incômodo?

1. Faça bochechos com água e sal

Fazer bochechos de água com sal é uma das maneiras de aliviar esse tipo de dor caso seja decorrente de abcessos. Isso porque a água com sal consegue aliviar dor de dente, pois tem propriedades que combatem os micro-organismos que podem causar as dores.

Com isso, ela consegue ajudar na limpeza, drenar o local e, consequentemente, diminuir a dor.

Para o preparo, dilua uma colher de chá de sal em um copo de água. Bocheche por 30 segundos e repita o processo a cada uma hora.

2. Coloque gelo

O gelo é outra opção para quem deseja aliviar a dor de um dente inflamado e o inchaço pós cirúrgico. Ele pode ser utilizado de duas formas. Você tem a opção de usar uma compressa gelada próxima ao local da dor ou, ainda, de chupar uma pedra de gelo.

Caso opte pela bolsa de gelo, é preciso ter cuidado no momento da aplicação, pois ela pode queimar a pele. Se necessário, use um pano para cobri-la. Para obter o efeito desejado, deixe-a no local por 15 minutos, 3 vezes ao dia.

3. Coma alimentos gelados e moles

Não adianta saber o que fazer para aliviar a dor de dente, se você vai piorá-la ao se alimentar. O ideal nesse período é optar por alimentos frios, como vitaminas de frutas, iogurtes naturais, sorvetes e gelatinas. Deixe de lado alimentos que sejam mais difíceis de mastigar, pois eles podem piorar a dor.

4. Aplique óleo de cravo-da-índia

Quando se trata do óleo de cravo-da-índia, o que alivia dor de dente é a sua ação anti-inflamatória, analgésica e antisséptica. Usá-lo é bem simples: basta aplicar duas gotas diretamente no dente dolorido ou usar um pedaço de algodão ou haste flexível.

5. Faça bochechos com chá de macela e própolis

O própolis é bem conhecido por ter ação cicatrizante e antibacteriana. Quando se trata de dor de dente, a forma de aliviar não é diferente. Ele deve ser adicionado ao chá de macela, um poderoso calmante e anti-inflamatório, que limpa o local e ajuda a reduzir a dor.

Para misturá-los, acrescente cinco gotas de própolis a cada xícara de chá de macela. Use a mistura duas vezes ao dia.

6. Escove bem o local da dor

Outra causa frequente da dor de dente é o acúmulo de alimentos entre os dentes. Eles costumam se juntar gradativamente, quando não há uma boa higiene bucal. Com o passar do tempo, provocam a inflamação e a infecção da região, causando essas dores.

Por isso, ao sentir dor de dente, identifique de onde ela está vindo e escove bem a região, sempre usando cerdas macias e sem colocar força, para não ferir a gengiva e piorar ainda mais a lesão. Use também o fio dental, pois ele chega a áreas as quais as cerdas das escovas não conseguem alcançar.

Agora que você já sabe o que fazer para aliviar a dor de dente, basta colocar as dicas em prática. Mas não esqueça: vá ao dentista assim que possível. Quanto mais você demorar para procurar um especialista, mais o problema se agravará.

Além disso, somente um dentista consegue resolver a dor de dente de forma definitiva, por meio de exames para detectar a fonte do problema e a intervenção necessária.

O ideal é sempre prevenir as dores, principalmente porque são bastante incômodas. Sempre faça o acompanhamento com um dentista, para que ele possa identificar os problemas ainda no início, antes das dores.

Escove os dentes, use fio dental e tenha uma alimentação equilibrada. Tudo isso é essencial quando se trata de ter uma boa saúde bucal e ajuda você a não precisar de soluções para aliviar a dor de dente.

Agora que você sabe por que se consultar com o dentista previne disfunções orais e conferiu dicas que ajudam a melhorar a dor de dente — a exemplo de fazer bochechos com água salgada, colocar compressa de gelo no local e escovar bem a região dolorida
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Por maioria, Anvisa aprova duas vacinas em uso emergencial
CORONAVÍRUS
Por maioria, Anvisa aprova duas vacinas em uso emergencial
POLÍCIA
Foragido da Justiça é preso em São Gabriel do Oeste
Técnicos da Anvisa recomendam uso emergencial da vacina de Oxford
CORONAVÍRUS
Técnicos da Anvisa recomendam uso emergencial da vacina de Oxford
LUTO NA MÚSICA
Phil Spector, ex-produtor do Beatles, morre aos 81 anos
Adolescente e jovem furtam bicicleta motorizada de pátio do Detran
RIO VERDE
Adolescente e jovem furtam bicicleta motorizada de pátio do Detran
PANDEMIA
Dourados tem mais duas mortes e 148 casos confirmados de coronavírus em 24 horas
PANDEMIA
Brasília recebe 15 pacientes com covid-19 procedentes de Manaus
CAMPO GRANDE
Homem é atingido por tiro no tórax e socorrido por desconhecido
LEI
Governo do Rio cria carnaval fora de época
PANDEMIA
MS ultrapassa 150 mil casos de coronavírus e soma 2.674 óbitos

Mais Lidas

DOURADOS 
Jovem cai de moto e pede ajuda após levar facada
PANDEMIA 
Dourados tem oito mortes por Covid em 24 horas  
OPERAÇÃO
Polícia fecha "boca de fumo" comandada por família no Canaã IV
DOURADOS 
Prefeitura anula 75 das exonerações anunciadas no meio da semana