Menu
Busca domingo, 11 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Comerciários de Dourados podem receber empréstimo

29 janeiro 2004 - 13h57

Um convênio firmado entre a Caixa Econômica Federal - CEF e Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio- CNTC, em dezembro de 2003, está permitindo que sindicatos da categoria, em todo o País, façam a adesão ao acordo, garantindo assim empréstimos a juros subsidiados para os comerciários. Em Campo Grande o acordo deverá permitir a entrada de pelo menos R$ 50 milhões, principalmente no comércio da Capital, a partir do fim deste mês, segundo previsão do líder sindical do município, Idelmar da Mota Lima.Essa estimativa, segundo o presidente, é baseada no número de empregados existentes na cidade: cerca de 30 mil. Se um terço desse contingente contrair empréstimos estimados em R$ 5.000,00, por exemplo, deverão movimentar cerca de R$ 50 milhões.Esses recursos poderão ser utilizados para compra de veículos, reformas ou ampliação de residência, pagamento de contas ou para qualquer outro fim que o comerciário desejar.  O convênio permite a concessão de empréstimo para trabalhadores no comércio, associados aos sindicatos, a juros que variam entre 1,75% ao mês (para empréstimos pagos em até seis meses) a 2,6% (25 a 36 meses). Bem inferiores aos juros de mercado. Cerca de 30 funcionários da empresa Bigolin já estão contraindo o empréstimo junto à CEF, além de empregados de outros estabelecimentos. Semelhantes convênios deverão ser firmados por sindicatos de Dourados, Três Lagoas, Corumbá e outras regiões de Mato Grosso do Sul.Idelmar informou que no convênio foram inseridas algumas cláusulas especiais que possibilitam , por exemplo, aos trabalhadores comissinistas contrair empréstimo pela média aritmética das remunerações percebidas nos últimos seis meses. Os aposentados, pelo setor, também podem ser beneficiados.Os beneficiados poderão comprometer apenas 30% de seus vencimentos com o pagamento das prestações. Os sindicatos precisam emitir declaração de que a pessoa interessada é associada à entidade. Os não associados também podem contrair o empréstimo, só que a juros mais elevados em relação aos associados. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem é assaltado na Avenida Marcelino Pires
DOURADOS
Homem é assaltado na Avenida Marcelino Pires
POLÍCIA
Jovem denuncia motorista de aplicativo por se masturbar durante corrida
Com leitos de UTI lotados, Dourados chega a 360 mortes por coronavírus
PANDEMIA
Com leitos de UTI lotados, Dourados chega a 360 mortes por coronavírus
PMA de Dourados fecha serralheria por emissão de sons acima do previsto em lei
FISCALIZAÇÃO
PMA de Dourados fecha serralheria por emissão de sons acima do previsto em lei
Vinte e seis pacientes aguardam vagas em leitos de UTI em Dourados
PANDEMIA
Vinte e seis pacientes aguardam vagas em leitos de UTI em Dourados
PANDEMIA
Covid-19: pessoas já infectadas devem esperar um mês antes de vacinar
DOURADOS
Assaltante atira contra jovem para roubar e acerta Kombi estacionada
ECONOMIA
Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em março
JARDIM
Lava-jato é interditado e proprietário autuado por jogar efluentes sem tratamento na rua
FUTEBOL
Em Brasília, Flamengo e Palmeiras decidem supercampeão do Brasil

Mais Lidas

DOURADOS
Motociclista tem suspeita de fratura nas pernas após ser atingido por carro
VILA INDUSTRIAL
Veículo é destruído pelo fogo em Dourados e ocupantes saem ilesos; veja vídeo
RESGATE
Menina estava brincando com irmãos e avó quando se afogou no Rio Dourados
HOMICÍDIO
Jovem é morta com tiros de escopeta em Itaporã