Menu
Busca segunda, 18 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
EDUCAÇÃO

Com Mês do Livro, vereador levará atividades a escolas de Dourados

12 novembro 2015 - 09h16

A Câmara Municipal de Dourados, através do mandato do vereador Dirceu Longhi (PT), vai promover de 19 a 23 de novembro as atividades alusivas ao Mês do Livro. As ações serão desenvolvidas nas escolas públicas do município, atingindo diversos bairros e a Reserva Indígena de Dourados. De autoria de Dirceu Longhi, a lei que instituiu o mês do livro visa estimular a prática da leitura entre os douradenses.

Neste ano, as atividades serão desenvolvidas nas escolas estaduais Guateka (Aldeia Jaguapiru) e Menodora Fialho de Figueiredo e nas escolas municipais Etalivio Penzo e Clori Benedetti. A programação do Mês do Livro terá inicio no dia 19, na Reserva Indígena, com a doação de livros (enciclopédias) na escola Guateka. No mesmo dia, às atividades serão deslocadas para a escola Menodora, no Jardim Caramuru, onde a equipe do gabinete do vereador Dirceu Longhi fará a doação de livros literários ao acervo da biblioteca da escola.

Além da campanha de doação de livros, o mandato do vereador PT levará pelo terceiro ano consecutivo contação de estórias para crianças em escolas da rede municipal de ensino. Neste ano, as escolas escolhidas para receber às atividades de contação de estórias infantis são a Etalivio Penzo (20 de novembro), no Parque das Nações II, e a Clori Benedetti (23 de novembro), no Jóquei Clube.

No ano passado, as atividades de contação de estórias ocorreram nas escolas municipais Joaquim Murtinho e Tegantui Marangatu, mobilizando aproximadamente 500 alunos das séries iniciais do ensino fundamental.

Responsável por mais uma edição do Mês do Livro, o vereador Dirceu Longhi destaca a importância do Mês do Livro para estimular a prática da leitura, principalmente entre às crianças. Conforme o vereador do PT, a leitura é uma prática extremamente importante na formação do cidadão crítico, no entanto, vem perdendo cada vez mais espaço para as redes sociais da internet. "Precisamos desenvolver políticas públicas que incentivem o exercício da leitura, as bibliotecas vazias são o reflexo da baixa popularidade do livro e o alerta para propormos atividades realmente significativas no incentivo à leitura. O nosso foco é promover a leitura do livro e mostrar que ela é fundamental e interessante tanto quanto a internet, para crianças e adolescentes”, finalizou.




Deixe seu Comentário

Leia Também

LEGISLATIVO
Deputados entregam a candidatos à Presidência da Câmara carta com prioridades para a educação
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projeto prevê punição para o repasse indevido de salário de funcionários de agentes políticos
BRASIL
Anac divulga aéreas que podem transportar cilindros de oxigênio
OPINIÃO
Como as alterações nos benefícios previdenciários podem te impactar
Mato Grosso do Sul realiza primeira vacinação contra o coronavírus
PANDEMIA
Mato Grosso do Sul realiza primeira vacinação contra o coronavírus
SISTEMA DE SAÚDE
Governo foi informado dia 8 sobre escassez de oxigênio em Manaus
TRAGÉDIA
Criança de seis anos morre em acidente entre Bonito e Bodoquena
CLÁSSICO
Palmeiras goleia Corinthians e segue sonhando com título brasileiro
REGIÃO
Bombeiros são acionados para buscas após populares verem corpo boiando em rio
CRIME AMBIENTAL
Fazendeiro é multado por desmatar área protegida em cidade de MS

Mais Lidas

DOURADOS
Morto por descarga elétrica pode ter tentado consertar portão
ACIDENTE
Homem morre após sofrer descarga elétrica em Dourados
DOURADOS 
Jovem cai de moto e pede ajuda após levar facada
DOURADOS
Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras