Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Morador faz monitoramento aéreo e ajuda combater a dengue no bairro onde reside

29 maio 2020 - 10h48Por Jessica Beatriz

Em meio a pandemia e com o afastamento do trabalho por causa da quarentena, um morador do bairro Monte Carlo, em Dourados, decidiu usar o ‘tempo livre’ para ajudar os vizinhos no combate a outra doença que tem feito vítimas em Mato Grosso do Sul, a dengue.

Através de um mapeamento aéreo com drone, Márion Henry Ribeiro Dantas, fez o levantamento de pelo menos 58 focos do mosquito da dengue na região que reside.  

O empresário tem uma firma de mapeamento no município e resolveu fazer o serviço de forma voluntária. “Vi uma oportunidade de ajudar o bairro. A partir disso, conversei com a associação de moradores e colocamos o trabalho em prática”, relata ele. 

Posteriormente, a equipe foi para o campo realizar o mapeamento, onde foram coletados os pontos que foram processados em imagens, gerando um mapa com as coordenadas geográficas dos possíveis criadouros de dengue.

Todos os dados foram consolidados em um relatório e entregue ao Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) para que a equipe responsável faça o monitoramento dos locais indicados.

Segundo a coordenadora do CCZ, Rosana Alexandre da Silva, as equipes estão sendo descoladas para a região a fim de identificar os focos apresentados no relatório realizado pelo morador local.

De acordo com Márion, o mapa é integrado com a plataforma Google, “o grande objetivo é encontrar possíveis criadouros que estejam longe do campo de visão dos agentes de saúde, dessa forma, eles podem pegar o seu celular, andar pelo bairro e achar os pontos indicados no mapa”, explica ele.

Dengue em Mato Grosso do Sul

De acordo com dados divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), nesta quarta-feira (27), Mato Grosso do Sul está em 2° posição no ranking de incidência dos casos notificados de dengue, em relação às 27 unidades da federação. 

Com 2.135,0 em incidência de casos por cada 100 mil habitantes, MS registrou 59.331 notificações e 37 mortes. 

Consta no boletim que Dourados registrou 1.923 notificações e uma incidência de 862,5. O município confirmou três óbitos por dengue em 2020.

No Estado, pessoas de 20 a 29 foram os mais diagnosticados com a doença até o momento, um total de 19,53%. A maior parte é do sexo feminino, sendo 56,2% dos casos.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
INSS prorroga antecipação do BPC e auxílio-doença até 31 de outubro
PONTA PORÃ
Ao avistar viatura, motorista abandona carro com cocaína foge a pé
PANDEMIA
Figueirão confirma 1º caso de coronavírus e doença chega em 90% dos municípios de MS
CORUMBÁ
Três veículos são recuperados próximo a fronteira com a Bolívia
PANDEMIA
Mais um município pede reconhecimento do estado de calamidade pública em MS
RIO BRILHANTE
Carga de cigarros contrabandeados é apreendida na BR-163
EDUCAÇÃO
UFGD dará início a aulas remotas em um mês
BRASIL
José Serra é denunciado por lavagem de dinheiro
IVINHEMA
Empresa de pulverização de agrotóxico é autuada em R$ 10 mil por descumprimento de embargo
PANDEMIA
MS se aproxima de 9,4 mil casos de coronavírus e soma 107 óbitos

Mais Lidas

DOURADOS
Decretos sobre aglomerações, igrejas e comércio terão mais 10 dias de vigência
PANDEMIA
Dourados tem quatro mortes por Covid em 24 horas, uma das vítimas médico
DOURADOS
Comerciante encontra homem morto ao chegar para abrir estabelecimento
20 VEÍCULOS
"Bonde do contrabando" é apreendido abarrotado de produtos do Paraguai