Menu
Busca sexta, 24 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
PANDEMIA

Há quatro dias, fila por vaga em UTI Covid soma mais de 20 pessoas em Dourados

17 maio 2021 - 11h09Por Thalyta Andrade

Levantamento do Dourados News com base nos dados divulgados pela Prefeitura de Dourados revela um cenário crítico e crescente na ocupação de leitos da rede do SUS (Sistema Único de Saúde) para atendimento a pacientes da Covid-19.

Ontem (16), foi registrado o maior índice na fila por vagas de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), com 35 pacientes.

Foi a primeira vez, desde que a lista começou a ser divulgada pela comunicação oficial da prefeitura em 10 de abril deste ano, que o número superou a casa dos 30. Apenas nos dias 12 e 16 de abril os índices não foram divulgados. O maior registro anterior havia sido em 10 de abril, quando 26 pacientes esperavam vaga.

Já são quatro dias seguidos com registros superiores a 20 pessoas na fila. No dia 15, eram 21 pacientes; no dia 14, 25 aguardando e no dia 13, o número chegou a 21.

Outro índice chama atenção no levantamento: em 37 dias de divulgação pública da lista de espera, diariamente a taxa de ocupação de leitos de UTI Covid segue nos 100%, ou seja, sem vagas disponíveis na rede do SUS. 

Neste período, o dia mais crítico foi em 15 de abril, quando havia nove pessoas nessa fila e as taxas de ocupação global, geral e de UTI estavam todas em 100%, sem vagas em leitos para nenhum tipo de atendimento. 

O menor índice foi registrado em 4 de maio, quando três pessoas aguardavam vaga de UTI Covid.

Vale ressaltar que o atendimento em UTI é fundamental para que muitos pacientes tenham chance de sobrevivência. Isso porque, na forma grave da Síndrome Respiratória Aguda Grave - doença causada pelo coronavírus – essas instalações hospitalares de alta complexidade são essenciais pela necessidade do uso de respiradores. Portanto, são pacientes que precisam de uma atenção muito próxima e 24 horas das equipes multidisciplinares de profissionais especializados.

Novos leitos ainda não foram ativados

No dia 10 de abril, conforme anunciado pelo prefeito Alan Guedes (PP), uma parceria com o Governo do Estado e a iniciativa privada viabilizou a implantação de mais 10 leitos de UTI Covid no Hospital da Vida.

O município recebeu 10 ventiladores pulmonares, 10 monitores multiparamétricos, 10 camas elétricas e 20 bombas de infusão por meio da SES (Secretaria Estadual de Saúde).

O investimento deixaria a unidade hospitalar que é referência no enfrentamento à pandemia com um total de 20 leitos UTI Covid e 20 leitos de UTI clínicos.

Segundo confirmado pela assessoria de comunicação da prefeitura, seriam desativados 20 leitos clínicos (ou de enfermaria), com o remanejo desses pacientes para o Hospital Regional de Dourados, Hospital Evangélico e/ou SIAS [Sociedade Integrada de Assistência Social] de Fátima do Sul, também em parceria com o Governo do Estado.

Em 20 de abril, foi anunciado que quatro desses 10 leitos já estavam em fase de finalização de estrutura para de fato receberem pacientes.

O Dourados News procurou na manhã desta segunda-feira (17) a assessoria de comunicação da prefeitura, para saber se esses 10 novos leitos já foram totalmente ativados.

No entanto, a assecom limitou-se a responder que “serão ativados os 10 leitos”, sem estimativa de prazo ou detalhes de como está o andamento da implantação estrutural dessas vagas.

10 novos leitos de UTI Covid no HU-UFGD

Na quinta-feira (13), foi assinado um Termo de Cooperação entre a Prefeitura de Dourados, a UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) e o Governo do Estado para a abertura de 10 novos leitos de UTI e 20 leitos de enfermaria exclusivamente para o atendimento a pacientes da Covid-19.

A estrutura será viabilizada através de parceria também com a iniciativa privada, que doou equipamentos que têm chegada prevista para essa semana, conforme divulgado pela comunicação da prefeitura.

Os leitos serão estruturados no espaço da UMC (Unidade da Mulher e da Criança), que fica em anexo ao HU (Hospital Universitário), cujo prédio foi entregue pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, em cerimônia no dia 8 de março deste ano.

Ainda conforme divulgado, os leitos já estariam montados e apenas no aguardo da chegada de respiradores e outros insumos essenciais para o atendimento de alta complexidade, mas não há data para que essas vagas de fato comecem a receber pacientes.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Lei cria programa de fomento à alfabetização no ensino público
Sergio Nogueira fala sobre a situação dos venezuelanos e haitianos em Dourados
TV DOURADOS NEWS
Sergio Nogueira fala sobre a situação dos venezuelanos e haitianos em Dourados
EDUCAÇÃO
Instituto Federal abre novo curso de pós-graduação em Nova Andradina
Adolescente de 17 anos é apreendida com mais de 20 quilos de maconha
SÃO GABRIEL
Adolescente de 17 anos é apreendida com mais de 20 quilos de maconha
CNJ
Comitê Estadual de Saúde reúne-se hoje com transmissão pelo YouTube
ECONOMIA
Governador sanciona lei que reduz ICMS da energia elétrica
CAPITAL
Ciclista de anos é assassinado com pelo menos seis tiros
TEMPO
Sexta-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove
Juiz nega liberdade a acusado de matar e carbonizar dono de boate
BASTIDORES
Pausa na vacinação de adolescentes constrangeu técnicos da Saúde

Mais Lidas

PEDRO JUAN CABALLERO
Adolescentes desaparecidas na fronteira são localizadas
FRONTEIRA
Adolescentes brasileiras estão desaparecidas desde o último sábado
TRAGÉDIA 
Motociclista morre na BR-163 em Dourados após bater em uma capivara 
CRONOGRAMA
Questões técnicas atrasam obras e aeroporto de Dourados não abrirá esse ano