Menu
Busca quarta, 05 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Sem material para manutenção, ruas permanecem meses no escuro

13 janeiro 2020 - 16h50Por Wender Carbonari

A precariedade da iluminação pública tem sido constantemente o centro de debates em Dourados. A redação do Dourados News recebeu nesta segunda-feira (13) reclamações de um morador do Canaã I sobre a situação precária de uma das ruas do bairro.

De acordo com leitor que preferiu não ter o nome divulgado, a Rua Apolônia de Melo, entre os números 50 e 100, está praticamente sem iluminação pública há pelo menos dois meses. 

Segundo o morador, a situação é de dificuldade e medo para quem reside na região do Canaã I. Com a escuridão, têm ocorrido assaltos de bicicletas e de celulares de pessoas que residem nas proximidades. “É uma quadra que não dá pra ver nem besouro”, comentou. 

Ele afirma ainda que entrou diversas vezes em contado com a prefeitura pelo “Disque Lâmpada”, e que, como resposta, disseram que a rua entraria no planejamento para manutenção, mas até agora nada foi feito a respeito.  

SERVIÇO ATRASADO 

Sobre o assunto, o secretário municipal de Serviços Urbanos, Fabiano Costa, disse ao Dourados News nesta segunda-feira que o serviço de manutenção de postes de iluminação em Dourados realmente está atrasado. A quantidade de pedidos acumulou desde o ano passado, durante o período em que o município ficou sem os materiais necessários para realização dos serviços. 

De acordo com ele, a prefeitura deve demorar ainda algumas semanas para colocar em dia os serviços de manutenção.  

“Conseguimos fazer a licitação de material no ano passado e começou a chegar na segunda quinzena de dezembro. O pessoal da iluminação não teve o recesso. Eles continuaram trabalhando, mas como teve um longo período sem material, acumulou uma quantidade enorme de lâmpadas queimadas. Até isso normalizar vai um certo período.”

Para acelerar os serviços, a prefeitura de Dourados vai abrir licitação no início de fevereiro para contratação de novas equipes. 

A empresa vencedora, explicou o secretário ao Dourados News, deverá apresentar maneiras de modernizar o atendimento aos cidadãos como o uso de aplicativo de celular e de “Call Center”.

A empresa escolhida durante o processo licitatório deverá usar como referência modelos de atendimentos em cidades como “Curitiba, Santos e São Vicente, cidades que adotaram esse tipo de gestão e tem dado certo”, exemplificou o secretário. 

Estes casos apresentados pelo morador do Canaã I devem ser relatados à prefeitura pelo canal de serviço “Disk Lâmpada”, 3424-8620, ou pelo e-mail: disklampada@dourados.ms.gov.br. 

LIGADO NA REDAÇÃO

A imagem chegou ao Dourados News através do canal Ligado na Redação, onde você também pode participar pelo WhatsApp através do (67) 9860-3221.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Motorista foge sem pagar após abastecer em posto de combustíveis
COVID-19
MPF quer que pastor Valdemiro Santiago pague indenização por falsa cura
Golpista ‘rouba’ fotos de médica no Instagram e se passa por ela no WhatsApp
ESPIONAGEM
Cármen Lúcia pede que governo explique dossiê contra antifascistas
CRIME AMBIENTAL
Fazendeiro é multado em R$ 38 mil por desmatamento ilegal de área protegida
COMENDA
Dourados vai receber quinta-feira o “Premio Prefeitura Amiga da Mulher”
TRÁFICO
Jovem de 18 anos é preso com Skank que seria lavada para Goiás
LAVA JATO
STF manda tirar delação de Palocci divulgada por Moro de ação contra Lula
CAPITAL
Sequestro e cárcere: Homem é resgatado do porta-malas de veículo
UEMS
Revista Barbaquá convida orientadores e bolsistas para submissão de artigos

Mais Lidas

TRÁFICO DE DROGAS
Força Aérea persegue pilotos que sobrevoavam MS com mais de 1 t de cocaína
DOURADOS
Quatro pessoas são presas acusadas de fazerem parte de facção criminosa
CORONAVÍRUS
Dourados confirma o 57º óbito e chega a 4.357 casos registrados desde o início da pandemia
DOURADOS
Condutor de veículo que atropelou ciclista e fugiu sem prestar socorro é identificado