Menu
Busca segunda, 12 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Ciclofaixas reduzem índices de acidentes em Dourados

30 janeiro 2004 - 15h52

A modernização do sistema de trânsito de Dourados, com a instalação das ciclofaixas nas principais vias de acesso aos bairros da cidade, fazendo ligações entre as regiões leste-oeste e norte-sul, bem como a sinalização horizontal, afixação de placas de preferenciais e indicativas de direção; lombadas eletrônicas e semáforos digitais, têm promovido a redução significativa dos índices de acidentes de trânsito na área urbana do Município.A informação é do superintendente de Transporte e Trânsito da Prefeitura, Oslon Estigarríbia Paes de Barros, que comemora o baixo índice de acidentes envolvendo ciclistas que transitam pelas ciclofaixas instaladas na cidade. Segundo ele, nenhum acidente grave foi registrado pelos órgãos de trânsito de Dourados nas ciclofaixas desde sua instalação. Oslon de Barros também ficou satisfeito com a posição dos moradores e lideranças comunitárias do Jardim Água Boa que estiveram no gabinete do prefeito Laerte Tetila na última quinta-feira, para solicitar a manutenção, tanto das ciclofaixas, quanto da mão única do trânsito na Rua Cafelândia.Ele lembrou que, em recente levantamento pelas principais ciclofaixas instaladas na cidade, foram constatados fluxos consideráveis de ciclistas nos horários de pico, ou seja, pela manhã e no final da tarde, uma demonstração de que a maioria dos douradenses que usa a bicicleta como meio de transporte está utilizando-se das pistas exclusivas implantadas pela Prefeitura.Na semana passada, na Rua Cafelândia, por exemplo, a equipe de Transporte e Trânsito da Prefeitura fez um monitoramento do fluxo de ciclistas no trecho entre o Jardim Manoel Rasslen à Rua Cuiabá, no centro da cidade, entre 6h15 e 7h15 da manhã, constatando o trânsito de 1.016 bicicletas em uma hora. Na Rua João Vicente Ferreira, que faz a ligação leste-oeste, o fluxo de trânsito em levantamento feito pela Prefeitura no final do ano, constatou o tráfego de 1.200 bicicletas por hora nos horários de maior movimentação, ou seja, no início da manhã e no final da tarde. “Isso demonstra que os ciclistas douradenses já se adaptaram às ciclofaixas, que estão usando com a garantia de maior segurança no deslocamento de casa para o trabalho e vice-versa, como nos mostra o índice zero de acidentes de trânsito envolvendo ciclistas e outros tipos de veículos

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS mantém média alta de mortes por coronavírus e ultrapassa 4,9 mil óbitos
PANDEMIA
MS mantém média alta de mortes por coronavírus e ultrapassa 4,9 mil óbitos
Com mais 51 testes positivos, Dourados confirma mais duas mortes por Covid
PANDEMIA
Com mais 51 testes positivos, Dourados confirma mais duas mortes por Covid
Policiais presos com drogas em MS são transferidos para presídio militar na Capital
TRÁFICO DE DROGAS
Policiais presos com drogas em MS são transferidos para presídio militar na Capital
Exército aponta ritmo acelerado nas obras do aeroporto em Dourados
REFORMA E AMPLIAÇÃO
Exército aponta ritmo acelerado nas obras do aeroporto em Dourados
PAULISTÃO
Após goleada, São Paulo volta a campo e encara o Red Bull
EDUCAÇÃO
Dourados faz parte de projeto piloto do MEC para modernização da gestão educacional
UTI'S
Com 100% dos leitos para Covid ocupados, 25 pessoas aguardam vagas em Dourados
BELEZA & ESTÉTICA
3 dicas infalíveis para lidar com a pele no isolamento social
FLIGHT LEVEL
PF deflagra a operação para investigar esquema de tráfico por meio da aviões executivos
CAMPO GRANDE
Mulher flagra homem estuprando menina de 12 anos

Mais Lidas

HOMICÍDIO
Jovem é morta com tiros de escopeta em Itaporã
DOURADOS
Motociclista tem suspeita de fratura nas pernas após ser atingido por carro
ITAPORÃ
Jovem morta com tiros de escopeta tinha passagem por tráfico de drogas
PANDEMIA
Covid mata 11 pessoas em Dourados em dia de 149 novos casos