Menu
Busca terça, 31 de março de 2020
(67) 9860-3221

Campanha “Dourados sem Dengue” é lançada com força-tarefa

22 janeiro 2013 - 15h45

#####Assessoria





O prefeito Murilo determinou nesta terça-feira a realização de uma força-tarefa liderada pela Secretaria de Saúde para manter a dengue longe do município de Dourados.



Durante reunião com o secretário Sebastião Nogueira e diretores da Saúde municipal, o prefeito anunciou a campanha “Dourados sem Dengue”. A meta é envolver outras secretarias e órgãos da prefeitura, além de voluntários, com o objetivo de impedir o aumento do número de casos de dengue.



A determinação do prefeito é para que o trabalho seja executado inclusive em imóveis fechados, onde é comum a presença de focos do transmissor da dengue. A Prefeitura de Dourados vai adotar as medidas legais necessárias para garantir a entrada dos agentes nesses imóveis.



O prefeito foi informado pelo secretário de Saúde sobre os mutirões realizados nos últimos dias na cidade e nos distritos. Desde o dia 11, pelo menos 6.300 imóveis foram vistoriados pelos agentes municipais, que encontraram quase 200 focos do mosquito transmissor e notificaram 115 proprietários com base na Lei da Dengue.



Neste ano, 34 casos suspeitos de dengue foram registrados em Dourados e dois foram confirmados. O número é considerado baixo, pois outras cidades de Mato Grosso do Sul enfrentam situação de epidemia. Em Campo Grande, por exemplo, 9.300 casos foram notificados até o dia 20 deste mês, o que fez a prefeitura decretar situação de emergência no município.



O prefeito Murilo disse que é importante manter o alerta entre a população, para que Dourados continue livre da doença. “Mais uma vez vamos mobilizar toda nossa equipe para percorrer os bairros, eliminar os criadouros do mosquito, conversar com as pessoas e conscientizá-las de que não podemos baixar a guarda”, afirmou o prefeito.



Sebastião Nogueira disse que o período crítico para proliferação da dengue ainda está no começo, por isso todos os cuidados precisam ser tomados para impedir a infestação do mosquito e consequentemente aumento do número de pessoas infectadas.



O secretário de Saúde informou que já começou a discutir com a equipe os detalhes da campanha “Dourados sem Dengue”. A mobilização vai incluir ações nos bairros, orientação aos moradores e fiscalização com base na Lei da Dengue, que prevê aplicação de multa ao proprietário de terreno baldio ou morador que não mantiver a área limpa e livre de focos do Aedes aegypti.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Aced quer prorrogação de pagamento de tributos municipais
POLÍTICA
Governo anuncia acordo para adiar por 60 dias reajuste dos remédios
RIO BRILHANTE
Homem tenta agredir esposa por ela não ter dinheiro para comprar pinga
NEGOCIAÇÃO
Concessionária vai parcelar conta de energia em até 12 vezes
CORONAVÍRUS
Familiares de idosa que morreu em Dourados estão sendo monitorados
AVANÇO DO COVID-19
Brasil registra 42 novas mortes e chega a 201; casos confirmados são 5,7 mil
DOURADOS
STJ não vê risco a investigação e concede habeas corpus a ex-secretário
BRASIL
Receita libera entrada de 500 mil testes de Covid-19 em tempo recorde
MATO GROSSO DO SUL
Vítima fatal do coronavírus foi infectada por irmã que esteve na Bélgica
BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO
No dia da 1ª morte, MS tem mais quatro casos positivos de coronavírus

Mais Lidas

FRONTEIRA
Acidente na MS-164 em Ponta Porã leva pai e filho a óbito
DOURADOS
Homem entra em veículo e anuncia assalto com arma de brinquedo; vídeo
DOURADOS
Homem leva surra de populares e é detido por furtar dois veículos em Dourados
NOTA PREMIADA
Lista de ganhadores já está disponível para consulta