Menu
Busca quinta, 02 de julho de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Câmara entrega Prêmio Marçal de Souza Tupã'Y e Diploma Zumbi dos Palmares

26 novembro 2019 - 11h10Por Da Redação

A Câmara de Dourados entregou ontem (25), durante sessão ordinária, o Prêmio Marçal de Souza Tupã'Y e o Diploma Zumbi dos Palmares. As homenagens são destinadas a pessoas ou entidades com destaque na produção jornalística, artística, literária ou científica com temas voltados à problemática indígena e que tenham oferecido contribuição relevante, reconhecida e pública atuação em prol da comunidade negra, respectivamente.

O Prêmio Marçal de Souza Tupã'Y foi entregue à educadora Fabiana Assis Fernandes, sendo que o diploma Zumbi dos Palmares foi entregue para cinco homenageados, em diferentes categorias.

Na área da Política, a homenagem foi concedida à Luhara de Souza Arguelho; na categoria Social, o diploma foi concedido ao Projeto SER (Subjetividade, Educação e Representatividade); a educadora Maria José de Jesus Alves Cordeiro foi homenageada na área Educacional; na área Religiosa a professora e cantora Izabel Cristina de Oliveira foi conferida com o diploma; o Instituto Cultural Malungo de Capoeira foi homenageado na área Cultural.

“É um prazer conceder este prêmio a Fabiana. Eu não a conhecia, mas fiquei encantado com a sua história e como ela conta sobre a mulher Guarani e Kaiowa. É importante que sociedade tenha conhecimento deste reconhecido e premiado trabalho, que é o da Fabiana. Esta Casa de Leis fica honrada com o seu trabalho”, comentou o vereador Braz Melo (PSC).

O vereador Elias Ishy (PT), vice-presidente da Comissão Indígena e Afrodescendente, exaltou os a escolha dos homenageados, apontando que foram escolhidos pela luta por seu povo. “Esta sessão é uma homenagem às pessoas que lutam por seu povo, que buscam maior dignidade para seu povo, como era a luta de Marçal e de Zumbi”, finalizou.

Ordem do Dia

Durante a sessão ordinária, ainda foi aprovado em 2ª discussão e votação o Projeto de Lei nº 224/2019 (022), de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre a desafetação de parte de Corredor Público, localizado no Jardim Murakami.

Do vereador Mauricio Lemes, foi aprovado os projetos que denominam como "Rua Djalma José da Silva", "Rua Maria Lurdes de Melo Gonçalves", "Rua Helmon de Almeida"e "Rua Luis Augusto Almeida Marra (Guto)" as ruas GV 9, GV 10, GV 13 e GV 10 A, localizados no Loteamento Greenville.

Foi o Projeto de Lei nº 356/2019, de autoria do vereador Romualdo Ramim (PDT), que denomina como "Rua Adriano Cantero" a Rua GV 6 A, no Loteamento Greenville.

Em 1ª discussão e votação, foi aprovado o Projeto de Lei Complementar nº 038/2019 (023), de autoria do poder Executivo, que dispõe sobre a outorga de concessão de exploração publicitária em mobiliário urbano e espaços em imóveis do patrimônio municipal, de forma não onerosa ao Poder Público concedente.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARALELO 18/5
PF cumpre mandados em MS contra quadrilha que traficava cocaína em barcos
CAMPO GRANDE
Capotamento termina com pai e filho mortos em estrada vicinal
POLÍTICA
Câmara aprova adiamento das eleições municipais para novembro
CRIME AMBIENTAL
Homem é multado em R$ 30 mil por desmatamento ilegal
MS
Pandemia impactou em maior número de apreensões de ilícitos pelo DOF
BENEFÍCIO
Vale Universidade implanta tele-estágio e tem a aprovação de estudantes e supervisores
COXIM
Hospital Cassems inicia construção de laboratório próprio e amplia espaços para atendimento ao público
MATO GROSSO DO SUL
Detran-MS inicia leilão com mais de 200 motocicletas para circulação
LEÃO
Entrega do Imposto de Renda com atraso tem multa a partir de hoje
MATO GROSSO DO SUL
Hotel deve indenizar pais de vítima que morreu afogada

Mais Lidas

REGIÃO
'Ciclone bomba' traz ventos fortes e alertas de granizo, chuvas e queda de temperatura a Dourados
PANDEMIA
MS soma mais cinco mortes de coronavírus; morador de rua douradense é uma das vítimas
POLÍCIA
Dupla é presa por tráfico de drogas no Dioclécio Artuzi
PANDEMIA
Dourados tem quatro mortes por Covid em 24 horas, uma das vítimas médico