Menu
Busca domingo, 11 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Bancários de Dourados terão devolução de Imposto Sindical

02 dezembro 2003 - 16h23

Pelo sétimo ano consecutivo os bancários da base sindical do Sindicato dos Bancários de Dourados vão ter de volta o imposto compulsório do imposto sindical. A contribuição sindical com a denominação de imposto criada por um Decreto-lei que regulamentou o ARTIGO 138, da Constituição Federal de 1937 é uma obrigação legal prevista na CLT - Consolidação das Leis Trabalhistas, em seu capitulo III, Arts. 578 a 610. com redação pelo Decreto-lei nº 27, de 14 de novembro de 1966 e correspondente a um dia de salário por ano de cada trabalhador formal do País.Essa contribuição, entretanto, não afeta os trabalhadores bancários de Dourados, desde que o mesmo esteja sindicalizado, é o que informa o diretor financeiro do Sindicato dos Bancários de Dourados e região, Walter Ogima.Segundo Ogima, desde 1996 o Sindicato dos Bancários de Dourados adotou essa política de devolução por entender que essa contribuição além de ser obrigatória, ainda tira a liberdade do trabalhador que contribui com sua entidade e as vezes não tem o retorno que precisa em suas lutas. Com o imposto sindical muitos sindicatos se acomodam o que faz com que poucas pessoas se sindicalizem. Na nossa base sindical mais de 90% dos bancários são sindicalizados. Os não sindicalizados acabam sendo prejudicados, pois, além de ficar fora das ações do sindicato, ainda não tem alguns benefícios como por exemplo à devolução desse imposto do qual, 60% é repassado ao sindicato da categoria, 15% segue para a respectiva federação, 5% fica para a confederação e o restante é destinado ao Ministério do Trabalho.Com a devolução a direção do sindicato acredita que, esse gesto contribui para o fortalecimento da liberdade e da autonomia sindicais e defende que a auto-sustentação da entidade deve passar fundamentalmente pelas mensalidades dos associadosPelos dados do Ministério do Trabalho, no ano passado foram arrecadados R$ 600 milhões de imposto sindical no setor urbano. Este imposto, no entanto, não é a única fonte de sustentação.A devolução começa a ser feita nesta quarta-feira nas agências bancárias de Dourados e Região.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com leitos de UTI lotados, Dourados chega a 360 mortes por coronavírus
PANDEMIA
Com leitos de UTI lotados, Dourados chega a 360 mortes por coronavírus
PMA de Dourados fecha serralheria por emissão de sons acima do previsto em lei
FISCALIZAÇÃO
PMA de Dourados fecha serralheria por emissão de sons acima do previsto em lei
Vinte e seis pacientes aguardam vagas em leitos de UTI em Dourados
PANDEMIA
Vinte e seis pacientes aguardam vagas em leitos de UTI em Dourados
Covid-19: pessoas já infectadas devem esperar um mês antes de vacinar
PANDEMIA
Covid-19: pessoas já infectadas devem esperar um mês antes de vacinar
Assaltante atira contra jovem para roubar e acerta Kombi estacionada
DOURADOS
Assaltante atira contra jovem para roubar e acerta Kombi estacionada
ECONOMIA
Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em março
JARDIM
Lava-jato é interditado e proprietário autuado por jogar efluentes sem tratamento na rua
FUTEBOL
Em Brasília, Flamengo e Palmeiras decidem supercampeão do Brasil
DOURADOS
Vítima quase tem a mão decepada por facão durante confusão com autor
DOURADOS
Jovem é ferido com golpes de faca e socorrido para o Hospital da Vida

Mais Lidas

DOURADOS
Motociclista tem suspeita de fratura nas pernas após ser atingido por carro
VILA INDUSTRIAL
Veículo é destruído pelo fogo em Dourados e ocupantes saem ilesos; veja vídeo
RESGATE
Menina estava brincando com irmãos e avó quando se afogou no Rio Dourados
HOMICÍDIO
Jovem é morta com tiros de escopeta em Itaporã