Menu
Busca quarta, 15 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Audiência pública na 6ª-feira define cursos da Escola Técnica Federal

03 dezembro 2012 - 11h21

O deputado federal Marçal Filho anunciou ontem que a audiência pública oficial que definirá os cursos do Instituto Federal de Dourados (IFD), a Escola Ténica Federal, acontece na próxima sexta-feira, dia 7 de dezembro, a partir das 18 horas, no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). “Na condição de presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Ensino Técnico e Profissionalizante, posso afirmar que a audiência que apontará os cursos que serão oferecidos em Dourados será realizada na sexta-feira, coroando um trabalho que iniciamos há mais de 2 anos para garantir que nossa cidade não ficasse fora do programa de expansão do ensino técnico do Ministério da Educação”, enfatiza Marçal Filho.

A audiência será realizada em parceria com o o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), que nas últimas semanas tem promovido encontros informais para discutir o futuro das Escolas Técnicas Federais no Estado. “Esses encontros servem apenas para apresentar o modelo de funcionamento das unidades, mas a definição dos cursos acontece apenas após as audiências públicas oficiais como a que vamos realizar no dia 7 de dezembro”, avisa Marçal Filho. As audiências públicas oficiais atendem exigência do Ministério da Educação, já que a ideia central é que a definição dos cursos ocorra em consonância com os setores organizados da sociedade civil. “O mais importante é que este é mais um capítulo que escrevemos para a realização desse que é um sonho de todos nós douradenses e que, por pouco, não nos foi tirado”, argumenta.

Marçal Filho lembra que a luta para que Dourados recebesse o IFD, dentre outras ações, foi marcada pela realização de audiências públicas semelhantes que contaram com a participação de todos os segmentos da sociedade douradense e da região. Desde que retornou à Câmara, em 2009, o deputado, percebendo o equívoco de lideranças anteriores, buscou junto ao governo federal corrigir o erro de exclusão da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul, dos dois planos de extensão da educação técnica e profissionalizante anteriores. “O primeiro passo foi manter contato com o Minstério da Educação e com o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul, na pessoa do reitor Marcus Aurélius Stier Serpe, que estará em Dourados para a audiência da próxima sexta-feira”, revela o deputado.

Ainda na luta para impedir que Dourados ficassem sem a Escola Técnica Federal, o deputado Marçal Filho liderou a criação e foi eleito presidente da Frente Parlamentar de Apoio ao Ensino Ténico e Profissionalizante, o que lhe rendeu a missão, atribuida pela própria presidente Dilma Rousseff, de articular a aprovação, no Congresso Nacional, do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). “O Instituto Federal de Dourados é uma conquista do nosso mandato, mas também é uma vitória dos setores organizados da sociedade que quando foram chamados por nós se prontificaram a debater o futuro dessa importante ferramenta para a formação de mão-de-obra especializada”, argumenta Marçal Filho. “Por isso, convido novamente as entidades representativas do comércio, da indústria, da prestação de serviços, enfim, todos os setores, para a audiência oficial que vamos realizar sexta-feira, na OAB”, finaliza o deputado.


Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Mesmo com pouca chuva, CCZ intensifica trabalho contra a dengue
REGIÃO
Camionete com placas de Minas Gerais é recuperada por policiais em MS
CONTRABANDO
Carga com 150 mil maços de cigarros é apreendida no Sul de MS
ASSEMBLEIA LEGISLATIVA
Aprovado estado de calamidade pública em mais três municípios
TV DOURADOS NEWS
3º BPM de Dourados faz balanço das ações de 45 dias de atuação
PANDEMIA
Em MS, mais de 300 pacientes estão internados devido ao coronavírus
DOURADOS
Gaeco encontra munições na casa de procurador alvo de operação
DOURADOS
Homem é preso com 10kg de maconha na rodoviária
DOURADOS
Criança baleada por atirador em noite sangrenta morre no hospital
BRASIL
Toffoli concede prisão domiciliar ao ex-deputado Geddel Vieira Lima

Mais Lidas

DOURADOS
Atirador chegou em igreja na hora da comunhão e entrou dizendo ter feito bobagem
BARBÁRIE
Vizinhos relatam frieza de atirador que ainda voltou para conferir se ex estava morta
CRIME BÁRBARO
Atirador que matou ex-mulher e feriu crianças fez outras vítimas antes de se suicidar
DOURADOS
Polícia vai à casa onde atirador começou noite sangrenta e identifica testemunhas