Menu
Busca quinta, 03 de dezembro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Assassino de secretário será interrogado e MPE quer ouvir outra vítima

20 outubro 2020 - 09h51Por André Bento

Fernando Souza Gonçalves, de 31 anos, preso desde 20 de julho acusado de homicídio qualificado pelo assassinato do ex-secretário municipal interino de Agricultura Familiar de Dourados, Alceu Junior Silva Bittencourt, cometido um dia antes, será interrogado no próximo dia 3 de novembro.

Essa foi a data designada pelo juiz Eguiliell Ricardo da Silva, titular da 3ª Vara Criminal da Comarca, para audiência de instrução em continuação à realizada no dia 14 passado.

Preso na PED (Penitenciária Estadual de Dourados), o réu será ouvido pelo sistema de videoconferência, a partir das 16h.

Mas o magistrado também quer ouvir uma testemunha do crime e um cliente de Alceu Junior Silva Bittencourt que era atendido por ele quando houve a agressão fatal, também tratado como vítima no processo – ainda não foi encontrado pelo oficial de justiça.

Na audiência do dia 14, foram ouvidas duas testemunhas comuns à acusação e à defesa. Outra não pôde ser ouvida ante problemas técnicos apresentados no equipamento que utilizava.

Como o MPE-MS (Ministério Público Estadual) insistiu na oitiva da segunda vítima e dessa testemunha, ambos devem comparecer pessoalmente ao Fórum no dia agendado.

Assinada no dia 21 de julho pelo promotor de Justiça Luiz Eduardo Sant’Anna Pinheiro, a denúncia requer a condenação de Fernando Souza Gonçalves por homicídio qualificado por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima, além de ameaça contra o cliente que era atendido no momento do ataque. Pede ainda fixação de valor mínimo para reparação aos familiares de Junior Bittencourt.

Essa peça acusatória já foi recebida pela Justiça e narra que  o assassino indica cumprimentou a vítima e dissimilou a intenção do ataque ao adentrar o local do crime, uma barbearia na Rua Mozart Calheiros, no bairro Izidro Pedroso, em Dourados.

No dia 26 de agosto, a Defensoria Pública do Estado apresentou defesa, “asseverando que os fatos não se passaram da forma narrada na Inicial, conforme restará demonstrado durante a instrução”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPO
Quinta-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados
BATAGUASSU
Mulher é presa em flagrante por matar marido com facada no peito
ALIADO DE BOLSONARO
Ministério Público pede ao TSE quebra de sigilos de Luciano Hang
CAMPO GRANDE
Após uma semana, atropelada em bairro da Capital morre na Santa Casa
ECONOMIA
Conheça quais são os programas de bolsas para estudantes da UFGD
CAPITAL
Mãe e padrasto são denunciados por bater e deixar crianças sem comida
APOSENTADORIA
INSS divulga calendário de pagamentos de benefícios em 2021
REGIÃO
Morre baleado em ataque que feriu mulher e criança em Campo Grande
JUSTIÇA
Mutirão "Nome Limpo" segue até dia 11 para conciliação na quitação de dívidas
HOMICÍDIO
Morto ao buscar filho tentou fugir ao descobrir ex-cunhado armado

Mais Lidas

PANDEMIA
Casos de coronavírus levam fechamento de três agências bancárias em Dourados
POLÍCIA
Homem é encontrado morto em ponte próximo à Vila Cachoeirinha 
MAUS TRATOS
Mãe é denunciada após apagar cigarro na mão da filha em Dourados
CAARAPÓ
Jovem que matou companheira com mata-leão é autuado em flagrante por homicídio doloso