Menu
Busca sexta, 22 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
PARA TODO O BRASIL

Arco-íris formado em Dourados ganha destaque nacional

14 janeiro 2016 - 13h35

O arco-íris formado no céu de Dourados no final da tarde de terça-feira (12) extrapolou as redes sociais e ganhou destaque nacional na página do Climatempo – portal especializado em previsões meteorológicas e do Terra.

Com o título “o fantástico arco-íris duplo de Dourados”, o material fala sobre o clique feito pelo morador local Alexandre Felipe.

“O verão traz as nuvens escuras, os temporais, dias muito abafados, os problemas causados pelas tempestades e chuvas volumosas frequentes, mas também aumenta a possibilidade de vermos o arco-íris natural. Um só arco-íris ocorre com frequência. Mas um arco-íris duplo e com as cores tão fortes como o que foi visto em Dourados, no sul de Mato Grosso do Sul, não ocorre a toda hora. O arco-íris de Dourados foi realmente especial!”, relata o material.

De acordo com o Climatempo, para que se forme a imagem vista é preciso luz do sol, da chuva e de estarmos no lugar certo e na hora certa. “O arco-íris que vemos em alguns dias com chuva se forma só começo da manhã ou no fim da tarde porque são nestes horários que os raios de sol que entram na atmosfera atingem as gotas de chuva no ângulo certo”, relata.

Para vermos o arco-íris precisamos estar entre o sol (nas costas) e um horizonte com chuva (na frente).

Explicando

A luz do sol que bate nas gotas de chuva é refratada ao encontrar a superfície da gota de chuva e dentro dela será refletida várias vezes. Alguns destes raios saem de dentro das gotas em ângulos entre 40º e 42º. A gota de chuva funciona como um prisma que separa a luz branca do sol em suas diversas cores.

Cada ângulo diferente entre 40º e 42º corresponde a uma cor. Vemos as diversas cores porque nossos olhos estão recebendo a luz que saiu das gotas de chuva exatamente entre estes ângulos. Se você mudar de lugar talvez não veja mais todas as cores, porque a luz que sai das gotas estará chegando aos seus olhos de outra forma, em outro ângulo.

Arco-íris duplo

Em algumas situações especiais podem se formar dois arco-íris, como na foto. O segundo, mais distante e mais fraco, tem as cores invertidas em relação ao primeiro, mais forte. Mas nem sempre dá para perceber com nitidez os dois arco-íris. Muitas vezes o segundo está muito fraco.

Quando um arco-íris tem as cores fortes, bastante visíveis, a chance de termos um segundo arco-íris é maior.
Tecnicamente podemos ter vários arco-íris, mas as cores vão ficando tão fracas que nossos olhos já não percebem mais.

Quando um arco-íris duplo ocorre, o mais forte, mais próximo de nós, é chamado de arco-íris primário ou principal. O segundo arco-íris, com as cores mais fracas e mais distante de nós, atrás do principal, é chamado de arco-íris secundário.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LEGISLATIVO
Projeto susta decisão da Receita Federal sobre exportação de suco de laranja
Jiboia é capturada nos fundos de residência em Bonito
MEIO AMBIENTE
Jiboia é capturada nos fundos de residência em Bonito
PANDEMIA
Número de casos de Covid-19 chega a 8,75 milhões no Brasil
REGIÃO
Sanesul apresenta investimentos em saneamento à prefeitura de Água Clara
IMUNIZAÇÃO
Projeto exige dados sobre raça, sexo e pessoa com deficiência em notificações de Covid
ESPORTE
Juventude bate Figueirense e segue na luta pelo acesso à Série A
Fisioterapia e Farmácia estão entre as profissões que mais crescem na pandemia
R$ 7,9 MILHÕES
Rede de coleta de esgoto avança em Guia Lopes da Laguna
Vestibular 2021
Em Amambai, Uems oferece vagas para cursos de Ciências Sociais e História
POLÍTICA
Mauro Thronicke é a nova liderança emergente de Dourados e região

Mais Lidas

DOURADOS
Segundo corpo encontrado às margens da BR-163 é identificado
VIAGEM SANTA
PF deflagra operação contra tráfico de drogas em empresas de turismo religioso de Dourados
DOURADOS
Um dos corpos encontrados às margens da BR-163 foi quase decapitado
DOURADOS
Alvo da PF, empresário foi preso com armas e fortuna ao sofrer atentado em 2019