Menu
Busca domingo, 17 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
CONTÁGIO

Afastado após operação, Justiça autoriza volta de Dobes à prefeitura

01 outubro 2020 - 11h02Por Adriano Moretto

Afastado desde o dia 17 de julho por determinação judicial referente a investigação que resultou na Operação Contágio, o ex-secretário de Fazenda Carlos Francisco Dobes Vieira retornou aos trabalhos na prefeitura de Dourados

A autorização para volta à função foi definida pela Justiça de Mato Grosso do Sul em 24 de setembro. 

O despacho é do juiz Marcus Vinícius de Oliveira Elias. 

Na decisão, o magistrado aponta que não há impedimento judicial para que Dobes retorne a função pública de carreira no Município. Desde a sexta-feira passada ele vem atuando normalmente como técnico de geoprocessamento. 

Em nota encaminhada à imprensa, o advogado de Carlos Dobes, Luiz Ricardo Rossi aponta que o ex-secretário passou por nova oitiva junto ao Ministério Público. 

“Ficou claro e evidente que os apontamentos inicialmente direcionados ao Carlos Dobes Vieira não prosperam e, ainda, disponibilizamos outros documentos/provas que permitiram demonstrar a seriedade e toda lisura que teve junto à pasta da Fazenda”, disse. 

A defesa acredita ainda que diante dos novos esclarecimentos ofertados ao Ministério Público Estadual, Dobes não seja inserido na eventual ação penal que poderá ser proposta ao final das investigações.

Contágio 

A Operação Contágio foi deflagrada no dia 15 de julho pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) em investigações sobre supostas fraudes em compras emergenciais via dispensa de licitação por parte da prefeitura de Dourados no valor de R$ 247.560,00.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na residência de funcionários públicos nomeados em cargos de confiança da prefeita Délia Razuk e no CAM (Centro Administrativo Municipal). 

Na época, além de Dobes, o então procurador-geral do Município, Sérgio Henrique Martins de Araújo e a ex-secretária municipal de Saúde, Berenice Oliveira Machado de Souza, acabaram alvos da ação. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PMA prende e autua dois pescadores em R$ 2,6 mil
DOURADOS
PMA prende e autua dois pescadores em R$ 2,6 mil
Crescem reclamações sobre cobranças indevidas de crédito consignado
BRASIL
Crescem reclamações sobre cobranças indevidas de crédito consignado
Rede municipal de ensino retoma aulas 100% presenciais na segunda-feira
DOURADOS
Rede municipal de ensino retoma aulas 100% presenciais na segunda-feira
Estado finaliza entrega de 5,6 mil cestas de alimentos às comunidades quilombolas
MS
Estado finaliza entrega de 5,6 mil cestas de alimentos às comunidades quilombolas
Aposta única leva prêmio de R$ 11,5 milhões da Mega-Sena
LOTERIAS
Aposta única leva prêmio de R$ 11,5 milhões da Mega-Sena
MS
Som da Concha deste domingo terá o Soul e Jazz de Otávio e o sertanejo de Rodrigo Nogueira
TST
Transferências sucessivas ao longo do contrato garantem a bancário recebimento de adicional
DOURADOS
Em 2020, temporais destruidores ocorreram em outubro e novembro
MS
Festival Universitário da Canção revela novos talentos da música e paga até R$ 8 mil
PANDEMIA
Cães e gatos podem ter vírus da covid-19, mas não transmitem a doença

Mais Lidas

CLIMA
ASSUSTADOR: Vídeo mostra chegada da tempestade de poeira em Dourados
DOURADOS
Asfalto de avenida cede na região Norte e trânsito é interrompido
CLIMA
Alan decreta situação de emergência após temporal que deixou rastro de destruição em Dourados
CLIMA
Ventos de 40 km/h causam estragos em Dourados