Menu
Busca sexta, 03 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Acusados de assassinar homem com seis tiros prestam depoimento

05 março 2013 - 16h32

Da redação

Apresentaram-se na manhã de hoje no 1º Distrito Policial os acusados da morte de Reginaldo Donizete Cardoso, 35, que foi assassinado na tarde deste domingo (3) em Dourados com seis tiros.

Os acusados Éderson Henrique Fernandes da Silva, 21 anos, morador no Jardim Flórida II, conhecido como Gordinho, e Vagner Vasques Campos, 22 anos, morador no Jardim Novo Horizonte, foram até a delegacia juntamente com o advogado, Marcos Eli Nunes Martins, e apresentaram o revólver calibre 38, usado no crime.

Em depoimento Éderson disse que no domingo (03) estava no campo de futebol com familiares jogando bola, quando segundo ele chegou ao campo a vítima, sua mulher e o adolescente de 17 anos. Disse que chegaram xingando e foi agredido com tapas no rosto, mas falou que não sabia os motivos.

Logo em seguida percebeu quando a vítima levou a mão à cintura, sacou uma arma e disparou vários tiros em sua direção, ele correu e não foi atingido por nenhuma bala. Foi para casa, pegou uma arma e retornou ao campo, pois estava preocupado com a mãe que havia ficado no local.

Quando chegou ao campo não havia mais ninguém lá, andando encontrou Vagner que passou na rua em um Fiat Uno, o condutor deu carona para que Ederson fosse procurar a mãe. Contudo, o acusado viu a vítima a longa distância, falou para Vagner parar o carro e desceu, quando a vítima o viu levou a mão a cintura, então Ederson sacou a arma e efetuou vários disparos.

Ele conta que só ficou sabendo da versão, de que ele teria agredido o adolescente por conta do som alto, depois. Pois segundo ele não agrediu o adolescente nem brigou com ninguém.

Prestou depoimento e irá responder ao processo em liberdade.

#Relembre o caso

Reginaldo Donizete Cardoso, 35, foi assassinado na tarde deste domingo (3) em Dourados com seis tiros. Ele estava em sua casa, localizada na rua Demenciano de Mattos Pereira, no Jardim Novo Horizonte, bairro da região Oeste do município.

O crime teria sido cometido por duas pessoas, uma delas conhecido apenas como ‘Dueto’ e outro ainda sem identificação. Após o homicídio, eles fugiram em um Fiat Uno prata, quatro portas.

De acordo com as informações policiais, os disparos atingiram o braço, joelho e coxa direita da vítima, outro na região das nádegas e mais dois na barriga. Reginaldo morreu na hora.

O Crime

Ainda segundo a polícia, o filho da vítima, um adolescente de 17 anos, escutava música na companhia de sete amigos em uma casa da rua Ananias Atman Rolim, no mesmo bairro, quando a dupla chegou e pediu para que baixassem o som.

Conforme depoimento, no primeiro momento, eles negaram e na sequência os acusados retornaram e pediram novamente, momento, de acordo com o adolescente, que diminuíram o volume do aparelho. Após o ato, a dupla agrediu os jovens.

Ao receber a informação, Reginaldo tomou posse de sua arma e se deslocou até um campo de futebol nas proximidades e começou a atirar contra os acusados, porém, nenhum deles acertaram.

Em seguida, eles foram até a casa da vítima e cometeram o homicídio.


(Informações Osvaldo Duarte)

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Idoso de 60 anos pode ser a primeira morte por coronavírus em Três Lagoas
INFORMAIS
Lei que cria auxílio de R$ 600 é publicada no 'Diário Oficial da União'
SIDROLÂNDIA
Bandidos invadem escola, furtam botijões de gás e alimentos
IMUNIZAÇÃO
Caminhoneiros serão incluídos na campanha de vacinação contra gripe
JUSTIÇA
Pedido de exoneração feita por servidor incapaz é considerado nulo
CONVOCAÇÃO
Governo fará cadastro não obrigatório de profissionais de saúde para o SUS
CAMPO GRANDE
Justiça mantém prisão de suspeito de furtar várias vezes mesmo atacadista
BANCO DO BRASIL
Servidores estaduais podem renovar empréstimos consignados com carência
PROCURADO
Identificado chefe de quadrilha que cavou túnel para roubar banco na Capital
LEÃO
Mais de 9,1 milhões de contribuintes entregaram declaração do IR

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações