quinta, 19 de maio de 2022
Dourados
18°max
min
Campo Grande
17°max
min
Três Lagoas
21°max
min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Saúde

Fernanda Viana

Planejamento alimentar

contatonutrifernanda@gmail.com

10 janeiro 2022 - 00h03

O planejamento alimentar atua como uma direção na alimentação otimizando tempo e facilitando a obtenção da saúde e, consequentemente, o alcance do peso adequado.

O ato de planejar o uso do tempo para dar à alimentação o espaço que ela merece é de extrema importância, pois de fato o planejamento das refeições, desde a compra até o consumo do alimento ou da preparação culinária, reduz a probabilidade de ingestão de alimentos processados e ultraprocessados, além de facilitar a adesão de alimentos saudáveis por toda a família.

Neste sentido, introduzir na rotina o hábito de planejar detalhadamente as refeições pode trazer muitas vantagens, como: economia no mercado, otimização do tempo, contribuição para uma alimentação nutricionalmente equilibrada e controle do peso.

Diante de tal concepção é necessário lembrar que sair de casa pela manhã sem saber o que comer durante o dia não é o caminho adequado, muito menos deixar para resolver isso ao longo do dia na correria e stress do trabalho ou da rotina, isso provavelmente vai acabar no consumo daquilo que é mais fácil, rápido e acessível, ou seja, alimentos não saudáveis e pouco equilibrados que contribuem para o aumento do peso.

Sendo assim, confira algumas dicas para iniciar um planejamento alimentar:

- Escolha um dia específico da semana para planejar o cardápio (semanal ou mensal) e para escrever sua lista de compras, outro para fazer as compras e outra para preparar as refeições ou parte delas;

- Ao preparar uma receita, faça porções extras para outro dia da semana ou para congelar e usar em outra semana;

- Distribua com os membros de sua família a responsabilidade por todas as atividades domésticas relacionadas ao preparo de refeições;

- Para os lanchinhos prefira frutas, iogurtes, oleaginosas (como castanhas, nozes e sementes), pois são fáceis de transportar e nutritivas.

Alerta para o momento da compra de lanchinhos: não cair em opções consideradas saudáveis, que na verdade nem sempre são. Leia o rótulo; 

- É importante também se preocupar com o transporte de marmitas e lanches para evitar a contaminação por microrganismos, deste modo, utilize bolsas e garrafas térmicas, pois preservam a temperatura por até três horas. O ideal é que após esse período a marmita volte a ser refrigerada, por isso as bolsas servem apenas para levar até o local.

No mais, lembre-se que o planejamento alimentar é a garantia para a obtenção de seus objetivos, no prazo correto para a manutenção da saúde, sem causar danos ao seu corpo e prejudicar seu organismo. Seja consciente e não busque qualquer “dieta” na internet ou revistas.

Procure um profissional nutricionista que realmente seja habilitado para te ajudar e tenha responsabilidade sobre a sua saúde. 

*Mestra em Alimentos, Nutrição e Saúde - Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Especialização em Nutrição Esportiva pela faculdade de Ensino Superior de São Miguel do Iguaçu - FAESI e Pós-graduação em Terapia Nutricional, Nutrição Clínica e Fitoterapia pela Faculdade Ingá- Maringá (PR). Escreve para o Dourados News. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

O que são probióticos?

Descubra a melhor opção de óleo na cozinha

Não utilize óleo de coco para cozinhar

Vegetais crucíferos: o que são e quais seus benefícios?

Chocolate versus Cacau

Mais Lidas

PEDRO JUAN CABALLERO

Dupla é executada em pátio de posto de combustíveis

IDENTIFICADO E PRESO

Quarto envolvido em roubo de joalheria saiu de Dourados para dar apoio aos assaltantes

DOURADOS 

Jovens presos por tráfico vendiam drogas para público universitário

FRONTEIRA

Prefeito de Pedro Juan é alvo de atentado a tiros