domingo, 23 de janeiro de 2022
Dourados
38°max
24°min
Campo Grande
35°max
23°min
Três Lagoas
39°max
24°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Saúde

Fernanda Viana

Exageros do final de ano: como lidar?

contatonutrifernanda@gmail.com

20 dezembro 2021 - 00h04

As festas de fim de ano estão chegando e todos se preparam para as confraternizações e comemorações, bem como para desfrutar da mesa farta que a ocasião oferece. É comum comer em excesso diante de pratos apetitosos, sendo impossível muitas vezes resistir, mas claro que exagero e gula são comportamentos que não combinam com vida saudável.

Vale ressaltar que um dos principais erros nessas épocas festivas é ficar muito tempo sem se alimentar. Fazer “regimes” extremos e privar-se da alimentação são estratégias falhas, que faz com que exagere depois. Por isso, nos dias de festas, não se deve ficar em jejum privativo.

Sendo assim, nunca vá com fome a uma festividade, faça um pequeno lanche antes, assim se houver atrasos para servir a ceia não terá fome excessiva na hora de se servir. A privação pode gerar um descontrole em algum momento e episódios de compulsão alimentar.

Grande parte das pessoas que querem emagrecer acreditam que é preciso se sacrificar, se privar, e, quando se dão ao direito de comer algo por prazer, sentem muito medo de engordar e uma enorme culpa. O ato de comer por prazer infelizmente passou a ser associado à falta de disciplina ou força de vontade suficiente para alcançar o peso desejado. 

E em razão dessas situações, é importante esclarecer que os alimentos também possuem valor sociológico, cultural e emocional. A comida não é vilã e sim uma grande aliada do bem-estar e da saúde. O segredo é a forma como comemos, e quando se fala em comer com prazer não é a indução do comer de forma descontrolada e sem critério, e sim que é preciso ampliar a oferta de nutrientes para reeducar o paladar, além do mais quando se alimenta com prazer e sem culpa, se come menos ao longo do tempo, pois assim o saborear apoia ao ato em ficar satisfeito mais cedo.

No mais, procure tirar o foco da comida. Essas datas devem ser especiais, pois é quando encontramos amigos e familiares (quando possível). Então se distraia conversando com os convidados, pois você conseguirá tirar o foco dos alimentos.

Lembre-se: nem tudo está perdido. Se acabou exagerando, o importante é no outro dia voltar à rotina alimentar saudável, em vez de ficar se lamentado e se sentindo culpado. Boas festas!!!

*Mestra em Alimentos, Nutrição e Saúde - Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Especialização em Nutrição Esportiva pela faculdade de Ensino Superior de São Miguel do Iguaçu - FAESI e Pós-graduação em Terapia Nutricional, Nutrição Clínica e Fitoterapia pela Faculdade Ingá- Maringá (PR). Escreve para o Dourados News. 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Não tire o feijão da sua alimentação!

Planejamento alimentar

O que fazer para controlar a vontade de comer toda hora?

Ano novo, alimentação nova!

Exageros do final de ano: como lidar?

Mais Lidas

REGIÃO

Grave acidente deixa oito mortos em rodovia

DOURADOS

Morto em confronto, além de ser suspeito de morte de menor, tinha extensa ficha criminal

DOURADOS

Dois são flagrados com droga na PED

TRÁFICO DE DROGAS

Cocaína que saiu da região de fronteira do MS é interceptada em SP