quarta, 25 de maio de 2022
São Paulo
23°max
11°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Saúde

Fernanda Viana

Prevenção do câncer de próstata pede boa alimentação

contatonutrifernanda@gmail.com

05 novembro 2017 - 22h02

Com a chegada do Novembro Azul, a conscientização contra o câncer de próstata e a discussão sobre meios de prevenção se tornam cada vez mais frequentes. De acordo com a Associação Saúde da Próstata, entre os fatores de risco para o desenvolvimento do câncer de próstata, destacam-se: idade superior a 65 anos, história familiar da doença, pertencer à etnia negra, sedentarismo, sobrepeso, obesidade e alimentação inadequada.

A alimentação inadequada é a segunda causa do câncer e pode ser prevenida com atitudes simples. Poucos sabem, mas se a população adotasse uma alimentação saudável, aliada à prática regular de atividades físicas, mantendo o peso corporal adequado, aproximadamente um em cada três casos dos tipos de câncer mais comuns poderia ser evitado.

Vários estudos indicam que o consumo do tomate, rico em licopeno, atua na prevenção do câncer de próstata e deve ser consumido na forma de molho para se obter essa propriedade. Já a uva vermelha ou preta, rica em resveratrol, pode prevenir o aparecimento e progressão do câncer. O consumo de frutas cítricas permite o aporte de naringenina e vitamina C - que tem a capacidade de interferir nos processos responsáveis pelo desenvolvimento do câncer, provavelmente por meio da ação direta nas células cancerosas, reduzindo sua capacidade de reproduzir-se.

Diante disso, é possível observar que uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer, como também de outras doenças crônicas não-transmissíveis. Nesse sentido, hábitos de vida saudável também é outro fator associado a prevenção do câncer de próstata, como fazer, no mínimo, 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar, contribuem não somente para a prevenção, mas também no tratamento dos pacientes com câncer, pois mostram redução das mortes precoces dos mesmos.

Então, cabe a todos a conscientização nessa campanha para melhorar de dentro para fora, trazendo como prática hábitos de vida saudável, priorizando a saúde a curto, médio e principalmente à longo prazo. Pratique saúde!

Especialização em Nutrição Esportiva, Terapia Nutricional, Nutrição Clínica e Fitoterapia - CRN3 27940. Escreve para o Dourados News. E-mail: contatonutrifernanda@gmail.com 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Compulsão alimentar: como controlar?

O que são probióticos?

Descubra a melhor opção de óleo na cozinha

Não utilize óleo de coco para cozinhar

Vegetais crucíferos: o que são e quais seus benefícios?

Mais Lidas

TRAGÉDIA

Homem morre e outro fica ferido em estado grave após acidente na Marcelino

DOURADOS

Vídeo mostra momento da colisão que terminou com morte de motociclista

MARCELINO PIRES

Vítima de acidente tinha 33 anos e era sargento na Venezuela antes de se mudar para Dourados

DOURADOS

Segunda vítima de acidente na Marcelino Pires morre no Hospital da Vida