terça, 09 de agosto de 2022
Dourados
16°max
12°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Ninguém quer assumir a "bronca" do parquímetro

01 outubro 2015 - 06h37
Parquímetro - Sem atrair interessados há tempos, a prefeitura de Dourados abriu novo processo de concessão para a exploração dos estacionamentos rotativos na cidade, os parquímetros. Quem faz a gestão desses locais atualmente é a Caiuá Assessoria e Planejamento, empresa com domicílio em Santa Catarina.

Nova Tentativa - A publicação está no Diário Oficial do Município do dia 22 de setembro e tem como objeto à vencedora do certame agendado para o dia 9 de novembro, gerenciar, organizar e explorar as vagas da região central.

Abandonado - Como mostrado pelo Dourados News por diversas vezes, estacionar em Dourados não é tarefa das mais fáceis. Não só pela falta de vagas, mas pelo estado de conservação que se encontram os locais apropriados para isso. Para se ter ideia, idosos e portadores de necessidades especiais precisam vencer vários obstáculos para descer do carro.



Já foi alvo de investigação - A cobrança do estacionamento já foi alvo de investigação por parte do Ministério Público por conta de irregularidades. Agora, o órgão poderia aparecer novamente para questionar a qualidade do serviço prestado. Além de pagar por usar algo deteriorado, a dificuldade em se encontrar atendentes nas ruas é gritante.

E dá-lhe notificações - Enquanto isso, cada vez em que o cidadão não consegue carregar o bóton ou comprar o cartão de estacionamento, chove notificações nos vidros dos carros, que, quando não se transformam em multas, geram transtornos para a população que precisa correr até a sede da empresa e ‘pagar’ para futuras estacionadas.

Sujeira - Tudo isso, é claro, sem contar a sujeira dos emporcalhados aparelhos instalados para contar o tempo de sua parada no local.

Falar em sujeira - Se transforma em um verdadeiro ‘lixão’ o canteiro central da avenida Presidente Vargas, próximo ao cruzamento com a Joaquim Teixeira Alves às segundas. As sacolas com todos os tipos de lixo ficam sob uma figueira, em frente a uma lanchonete, provavelmente proveniente de todo o final de semana.

Guaicurus - O Dourados News já havia informado, mas não custa reforçar. Os retornos abertos na parte urbana da avenida Guaicurus [região do Jardim Santa Fé, Parque Alvorada e Altos do Indaiá] vêm sendo fechados. Por isso, todo cuidado é pouco aos motoristas, principalmente àqueles que costumam entrar na via com destino ao centro.

Confusão - Por falar na Guaicurus, é uma verdadeira confusão o trevo de acesso à avenida Indaiá e rua Dionísio Melgarejo, com acesso ao Jardim Flórida I e Parque Alvorada, respectivamente. É necessário que os responsáveis pelas obras melhorem a sinalização no local para se evitar tragédias.

Limpeza - O vento de pouco mais de 46km/h registrado em Dourados na madrugada de ontem trouxe medo a moradores do Jardim Piratininga e Canaã I, onde árvores caíram. A equipe de limpeza do município passou o dia recolhendo sujeira e galhos, porém, apesar dos sustos, os chamados de ocorrências foram pequenos, segundo a Defesa Civil.

Comentários, críticas e sugestões: editor@douradosnews.com.br

Deixe seu Comentário

Leia Também

Filho ‘03’ de Bolsonaro participa de evento em Dourados

PT quer trazer Lula ao MS em setembro

Mensagem após ataque a candidato em 2018 vira ação penal eleitoral

Servidor de carreira, ex-secretário pede exoneração do Município

Assembleia cancela cerimônias e audiências e deputado critica novas medidas

Mais Lidas

BR-376

Lutador de MMA douradense é preso com mais de 40 quilos de cocaína

TRAPALHADA

Ladrão esquece mochila aberta e dinheiro roubado voa durante fuga

Adolescente fica gravemente ferido após caminhonete capotar na MS-141

COXIM

Casal de idosos foi morto por menores que levaram R$ 20