Menu
Busca sábado, 11 de julho de 2020
(67) 99659-5905
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Falta de avental e gaze são "estopim" para Conselho convocar reunião com HU

03 maio 2016 - 06h24
Agenda - O Conselho Municipal de Saúde agendou reunião pública com membros do Hospital Universitário para tratar sobre os problemas recentes envolvendo aquela instituição em relação ao atendimento à população. Na semana passada, quase 40 cirurgias foram suspensas pela falta de insumos básicos, como gaze e aventais para uso dos profissionais e que serviram de 'estopim' para a conversa.

Lamentável - Por mais que o problema tenha sido causado por questões de logística e solucionados rapidamente, não podemos conviver com situações como a apresentada. Até porque é necessário se antever a casos básicos como o mostrado no sábado aqui no Dourados News, [relembre aqui](http://www.douradosnews.com.br/dourados/hu-ufgd-suspende-39-cirurgias-por-falta-de-materiais).

Cobrança - Além da situação atual, os casos noticiados recentemente, onde o mesmo Conselho Municipal de Saúde reclamava de violência obstétrica pedindo inclusive auditoria federal no local e uma série de ações devem ser colocadas em pauta durante essa reunião.

Festa... - Mais uma vez a festa da torcida foi de ‘encher os olhos’ de quem compareceu ao Douradão para assistir à primeira partida da final entre Sete de Dourados e Comercial. O público de 7,9 mil expectadores bateu os 6.010 presentes na semifinal contra o Operário e já é o maior do campeonato em 2016. O estádio Jacques da Luz, em Campo Grande, tem capacidade para apenas 5 mil pessoas.

Imbecis... - Se 99% foram ao estádio fazer festa, sobrou 1% de imbecis para tentar estragar ela. Ao apito final de Renan Novaes de Insalbrade, alguns desses arruaceiros deram início ao festival de arremessos de copos e garrafas plásticas no campo de jogo. Atitude lamentável que infelizmente se repete não só aqui, mas em outros estádios pelo país.

Não colou - O Douradão, como era de se esperar, se tornou uma boa pedida na tarde de domingo para quem tinha a intenção de aparecer politicamente. Entre a emoção do jogo e a vibração pela vitória do Sete contra o Comercial, uma ação chamou a atenção no intervalo. Durante agradecimentos a agentes públicos feitos pela diretoria do clube douradense, torcedores não perdoaram e vaiaram bastante a cada nome citado.

Presente - A vice-governadora e pré-candidata pelo PSDB à prefeitura da Capital, Rose Modesto, tem dado o ar da graça na maior quantidade de eventos possíveis. No domingo, feriado do Dia do Trabalho, ela esteve na festa promovida pela Força Sindical na Praça do Rádio, onde mais de 30 mil pessoas participaram. Ao final do evento, ela cantou para os presentes.

Zerado - O lote encaminhado pelo Ministério da Saúde para a vacinação contra a gripe H1N1 quase não deu para o "Dia D", realizado no sábado em Dourados. Na manhã de ontem, centenas de pessoas que se encaixam nos grupos de risco acabaram sem conseguir a imunização. Num dos postos de saúde, na região da Cabeceira Alegre, que atende a região da Vila Industrial e João Paulo II, pelo menos 20 pessoas, todas idosas, foram dispensadas em menos de duas horas.

Remessa - A previsão era de que um novo lote chegasse até o início da noite de segunda-feira para ser disponibilizado já na quarta-feira, porém, a possibilidade de nova falta das doses durante a semana deve gerar corre-corre nos postos de saúde espalhados pela cidade.

Troca - Troca-troca de servidor em importante pasta de grande cidade da região pode dar o que falar nos próximos dias. Quem sai, estaria fazendo serviço exemplar e quem entra, é pessoa bastante conhecida – até demais - no meio político.

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

Deixe seu Comentário

Leia Também

Rede social da prefeitura contradiz Diário Oficial mais uma vez em Dourados
Município aperta o cerco contra pandemia, mas deixa pontos evidentes de fora
Com sintomas de gripe, deputado faz teste para saber se pegou coronavírus
Horário de funcionamento do comércio pode ter novo ‘arrocho’
Abstenção deve ser mais um obstáculo a candidatos nas eleições da pandemia

Mais Lidas

ACIDENTE DE TRABALHO
Douradense morre após ser atingido na cabeça por peça de elevador de 20kg
PANDEMIA
Pneumologista é o terceiro médico a morrer por covid-19 em Dourados
DOURADOS
“Ele não conseguiu terminar o último plantão”, diz esposa de médico vítima da Covid
DOURADOS
Decreto é alterado e agora autoriza delivery e drive-thru para bares e conveniências