domingo, 23 de janeiro de 2022
Dourados
38°max
24°min
Campo Grande
35°max
23°min
Três Lagoas
39°max
24°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Bola Cheia...! Bola Murcha...!

Waldemar Gonçalves, o Russo

Eleições na Leda e ausência de time tradicional no futebol de MS

04 janeiro 2022 - 00h03

 

Bola cheia...! A bola cheia deste início de 2022 com certeza vai para a torcida brasileira que terá uma overdose de competições e torcer pelos seus respectivos clube do coração e pela seleção nacional para acompanhar ao longo do ano, porque vejamos:

O ano já começou com o início da tradicional Copa São Paulo de futebol júnior, a maior da América do Sul e que todos os anos revela grandes jogadores oriundos das categorias de bases de diversos clubes de todo o país.

Após esta competição, em todo o país terá o início dos tradicionais campeonatos regionais (estaduais) e paralelamente a isso, as buscas por vagas da Copa do Brasil do ano que vem.

Prosseguindo na overdose de emoções pelos estádios do país, em seguida será a vez dos torcedores do “porco” mais uma vez sofrer e claro, sonhar com o primeiro título mundial de clubes nos Emirados Arábes. Claro, assim como os “bambis” e “gambás”, sonhar não custa nada, com certeza não é mesmo porcada.

Após esta importante competição, haverá o inicio da primeira fase da Copa do Brasil juntamente com os dificílimos Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores e Sul-americana entre outras como a Copa do Nordeste, Verde, Sul-Minas e por ai vai.

Para fechar o 2022, o povo brasileiro terá pela frente, mas desta feita, global com a seleção brasileira entrando em campo na Copa do Mundo (atípica) que será realizada em novembro dado ao forte calor que o país sede, o Catar tem no meio do ano. Seria desumano colocar seleções milionárias a jogar em uma temperatura acima de 50 graus entre junho e julho, meses tradicionais das realizações das Copas do Mundo.

Ainda neste ano também vale ressaltar, ainda existe um restinho da Eliminatória para ser concluída, e neste caso a seleção do técnico da seleção brasileira, o “hepaTite” já carimbou o passaporte para a Copa do Mundo de 2022.      

Isso posto, com certeza este ano do início ao final dele com certeza, o amante do futebol brasileiro terá sim uma verdadeira overdose de bola rolando em todo o país, isso sem contar os campeonatos europeus como a Champions Ligue, Copa Uefa e campeonatos como o inglês, italiano, português, francês entre outros que geralmente são transmitidos pelos canais de televisão aberto e fechado do país.

Bola murcha...! É triste, mais é verdade. A bola murcha para a ausência do então glorioso Ivinhema Esporte Clube, que mais uma vez não participou da segunda divisão para voltar a série A do Estadual sul-mato-grossense.

A ausência do querido “azulão do vale do Ivinhema” que se junta até mesmo com o Ubiratan e Operário de Dourados, Urso de Mundo Novo, entre outros grandes clubes do MS, empobrece ainda mais o combalido -e pobre- estadual do futebol profissional do Mato Grosso do Sul, o que é uma pena, pois ver o estádio “Saraivão” vazio sem o tradicional clube da cidade, é muito triste, com certeza.

Bola murcha...! O ditado é simples: Em Dourados quando tinha time, não tinha estádio e quando se criou o estádio Frédis Saldivar, a falência do futebol profissional foi lentamente se consumando.

Assim também é Nova Andradina. Nesta cidade, quando não tinha estádio, tinha um grande time. Hoje assim como Dourados, Nova Andradina possui um belo e moderno, porém há anos não possui um clube que possa entrar e disputar de igual para igual um estadual do futebol profissional, o que também é de se lamentar.

Bola cheia...! A bola vai para a galera tricampeã do Ubiratan máster que após apresentações no final de 2011 no distrito do Ipezal, Rio Brilhante, Ponta Porã e em Dourados, voltará a campo no dia 15 às 15 horas contra os veteranos da cidade deVicentina. De parabéns a galera do “Leão da Fronteira” que estão ainda batendo a bolinha e levando o nome do clube de forma positiva para estas cidades. O bom mesmo destes jogos com certeza fica para a resenha que acontece após o jogo regado a cervejas, refrigerantes e claro, um churrasquinhos top de linha.

Bola cheia...! A bola vai para a abertura das inscrições para a realização da vigésima edição da Copa da Amizade da Vila Erondina.

O evento que é realizado pelo desportista Cláudio Ximenes pagará 4 mil reais em premiações mais troféus e medalhas aos três primeiros colocados e as inscrições por clube será de 500 reais.

O Congresso Técnico acontecerá no dia 28 próximo e a competição será dada a largada na segunda quinzena de fevereiro. Para maiores informações é só ligar no número 9-9633-3947 e confirmar a inscrição com o organizador.

Bola murcha...! A bola vai para as eleições para a presidência da LEDA (Liga Esportiva Douradense de Amadores).

Na oportunidade, a coluna havia avisado - ou seria alertado - que esta eleição iria dar “chabu” e pelo jeito vai dar mesmo após o resultado dos votos que deram a vitória por quatro a três para o “Zé Vilhalba” contra o então candidato a reeleição “Tubaína”. É pagar pra ver, mas acredito que o “bicho” nos bastidores, pra não dizer na Justiça, vai pegar.

Vamos pagar pra ver...!

Bola cheia...! A bola vai para o profissional em educação física e técnico de basquetebol Rubens Issao Minagutti, o “Bim” que volta as quadras do CAIC / Neil Fioravanti com as meninas das categorias sub 11 até 14 anos. Fundador da então FUNCED (Fundação de Cultura e de Esporte de Dourados) na década de 80, “Bim” hoje mesmo desempregado faz de tudo para que o basquetebol inato/juvenil feminino do CAIC / Neil Fioravanti não pare.

Bola cheia...! Por hoje é só meu povo!

Na primeira edição de 2022, desejo de coração que Deus nosso Pai maior nos conceda um ano de 2022 com muita luz, saúde, paz, realizações e conquistas. Parei e fui, mais volto meu leitores queridos...!

*Waldemar Gonçalves, o Russo é jornalista e filiado ao SINJORGRAN (Sindicato dos Jornalistas da Grande Dourados)  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bola cheia...! Bola murcha...!

Bola cheia...! Bola murcha...!

Douradão, pedestrianismo e falta de calendário esportivo

Estádios podem virar 'dor de cabeça' aos clubes para o Estadual

Leda tem nova eleição após anulação de pleito

Mais Lidas

REGIÃO

Grave acidente deixa oito mortos em rodovia

DOURADOS

Morto em confronto, além de ser suspeito de morte de menor, tinha extensa ficha criminal

DOURADOS

Dois são flagrados com droga na PED

TRÁFICO DE DROGAS

Cocaína que saiu da região de fronteira do MS é interceptada em SP