domingo, 26 de maio de 2024
Dourados
12ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Enfoque Eleitoral

Noemir Felipetto

Campanha do TSE incentiva participação feminina nas eleições

13 maio 2024 - 00h04

Mulher na política

Com a campanha “Mulher na política é outra história” a Justiça Eleitoral está incentivando a participação feminina na política. A ação já está sendo veiculada em emissoras de rádio e TV. O objetivo encorajar mulheres concorrerem as eleições. Mesmo com o mínimo da cota de gênero feminina em 30% sempre preenchido com dificuldades, o número de mulheres que se elegem está abaixo desse percentual. 

Estatísticas
Nas Eleições Municipais de 2020, as candidaturas femininas cresceram em comparação a 2016, saltando de 31,9% naquele ano para 33,3% no último pleito municipal. Entretanto, a proporção ainda é baixa em comparação com o eleitorado feminino, que corresponde atualmente a 53% do total. Além disso, no pleito de 2020, apenas 663 dos mais de 5,5 mil municípios (11,9% do total) elegeram prefeitas e 17% das cidades (935) não elegeram nenhuma vereadora.

Quatro ministras
A sessão do dia 9 de maio foi histórica na Justiça Eleitoral. Pela quarta vez quatro mulheres e três homens formaram a bancada. Além disso, pela primeira vez TSE teve duas ministras negras. Na bancada, além de quatro ministras, Cármen Lúcia, Isabel Gallotti, Edilene Lôbo e Vera Lúcia, e de três ministros, Alexandre de Moraes, Raul Araújo e Nunes Marques, a Corte Eleitoral, pela primeira vez, registrou a mesma proporção de magistradas negras e brancas. 

Primeira ministra negra
Em setembro de 2023, Edilene Lôbo foi a primeira mulher negra a assumir uma cadeira na Corte Eleitoral. Em seu pronunciamento, defendeu que as mulheres tenham condições de fazer escolhas livres e exercer seus próprios talentos e vocação em benefício de todos.

Eleitorado 
No dia 08 de maio foi fechado o cadastro eleitoral. Agora a expectativa é de quantos eleitores terá o Mato Grosso do Sul e os 79 municípios. Em 2022, o MS tinha 1.996.510 eleitores e em relação a 2020, o número aumentou, 5,95%. Se os números forem mantidos, o Estado passará de 2,1 milhões de Eleitores.

Dourados
Em Dourados, a segunda maior cidade do Estado, em 2022 estavam aptos a votar 169.042. A expectativa, pelo crescimento da cidade é que esse número ultrapasse a 180 mil eleitores.

Cadastro biométrico
Algumas cidades de MS estão exigindo o cadastramento biométrico de eleitores. Em 2022 o número de quem fez o cadastramento biométrico representava 78% do eleitorado regional. A expectativa é que esse número ultrapasse os 85% em virtude da campanha feita pelo TRE-MS. Dourados foi um dos exemplos.

Antonio Mendes Canale
Antonio Mendes Canale, natural de Miranda, foi contador, advogado, empresário, prefeito de Campo Grande e senador por dois mandatos e deputado federal por quaro legislaturas. Faleceu em Campo Grande, aos 83 anos, no ano de 2006.

Frase de político
“Algumas vezes sou franco e direto. Isso não é defeito, mas virtude. Ser indeciso é que não é virtude".
Antonio Carlos Magalhães – ACM, governador senador pela Bahia

 

*Colaborou Kathryn Nogueira Dias
Dicas e sugestões: (67) 99971-7533 (Fone/Whatsapp)
Email: nfelipetto@uol.com.br

Deixe seu Comentário

Leia Também

Divulgação de eleitores nos municípios já gera expectativa

Campanha do TSE incentiva participação feminina nas eleições

Pronto para ir a julgamento, processo de senador bolsonarista tem novos desdobramentos

A votação do STF que deu guarida aos pequenos partidos

Vínculo afetivo do eleitor é motivo para justiça autorizar mudança de domicílio eleitoral

Mais Lidas

'SEGURANÇA LEGAL'

Empresas clandestinas de segurança são alvos de Operação da Polícia Federal em MS

DOURADOS 

Alerta de Frio: Temperaturas em Dourados devem cair no final de semana

NOVIDADE

Dourados poderá ter corredor gastronômico na avenida Weimar Torres

TEMPO

Inmet divulga alerta de tempestade para Dourados e região