domingo, 21 de abril de 2024
Dourados
25ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Presidente da FFMS goza com a cúpula da CBF, enquanto futebol local agoniza

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

19 fevereiro 2024 - 00h04

Prestígio? – Após curtir de camarote um Brasil e Argentina anos atrás no Maracanã, o presidente da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul), Francisco Cezário, mostrou que apesar de não ter competência de transformar ou até mesmo melhorar o futebol local, ao menos goza de muito prestígio junto ao presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), Edinaldo Rodrigues. 

Prestígio ainda – Enquanto o futebol de MS capenga e ocupa uma das últimas posições do ranking das federações estaduais, Cezário foi um dos únicos presidentes de entidade a participar na sexta-feira, da oficialização do novo coordenador executivo das seleções masculinas, Rodrigo Caetano, que estava no Atlético-MG. 

Vergonha – Com apenas um representante nas quatro divisões nacionais e sem atrair os olhares de mídia e investimentos pesados do setor privado, o futebol sul-mato-grossense agoniza e continua a viver do passado. Por aqui, clubes tentam sobreviver com três meses de atividades profissionais ao ano, enquanto muitos atletas vivem de incertezas após esse período. 

Herdou – Agendada para quarta-feira, a primeira sessão da CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul em 2024 terá a ‘estreia’ do ex-secretário de Governo e Gestão Estratégica, Pedro Arlei Caravina, que retornou à Casa de Leis após passar um ano na gestão Eduardo Riedel (PSDB). 

Titular – Herdando a vaga do suplente João César Mattogrosso, atualmente adjunto na Secretaria de Estado da Casa Civil, Caravina atuará ao lado de Pedrossian Neto (PSD) como membro na Comissão, presidida por Mara Caseiro (PSDB), com Junior Mochi (MDB) vice.   

Manda-Chuva – O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) jogou no colo do deputado federal Marcos Pollon (PL) a responsabilidade em alinhar os projetos do partido nas eleições municipais em Mato Grosso do Sul. O relato ocorreu em entrevista à Rádio Difusora Pantanal, na sexta-feira. 

Tour – Apesar de ainda faltar mais de dois anos, as eleições 2026 já começam a movimentar algumas lideranças. Mesmo que, nesse momento, nada seja confirmado, é certo que encontros para ouvir demandas de classes em várias cidades pode ajudar em uma configuração futura. É o caso do presidente da Cassems, Ricardo Ayache, que já prepara uma extensa agenda começando nesta semana para debater assuntos relacionados ao plano junto dos servidores. Em Dourados, uma reunião está agendada para o início da noite de quinta-feira. 

Cabo de guerra – O PT em Campo Grande vive um verdadeiro ‘cabo de guerra’ entre as principais lideranças. Há aqueles que defendem candidatura própria à disputa pelo Executivo, colocando o nome da deputada federal Camila Jara como uma das opções, enquanto outra ala enxerga apoiar e caminhar ao lado de outro partido. 

Por aqui – Se na Capital existe essa divergência, em Dourados o PT caminha para confirmar candidatura própria, porém, ainda não há uma definição entre quem representará a legenda no pleito, se o vereador Elias Ishy ou o professor universitário e superintendente da SPU (Superintendência de Patrimônio da União), Tiago Botelho.

Na espera – Com as malas prontas, o radialista e suplente de deputado estadual Marçal Filho deve retornar ao PSDB, de onde saiu em 2022 para ingressar as fileiras do PP, no início de março. Pessoas que compõem o grupo de trabalho de Marçal garantem que ele é, sim, pré-candidato à prefeitura. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Deputado ‘printa’ tela de votação e diz que vai pedir para União não ajudar Campo Grande

Renato Câmara sai animado de encontro com Baleia Rossi e não descarta candidatura

Esquema montado para receber governador intrigou populares

Decisão do estadual vira assunto até em sessão da Câmara de Dourados

Visita de Lula ao MS teve proposta de sociedade, cobrança direta e o famoso ‘do Sul’

Mais Lidas

COTAÇÃO

Soja segue em destaque no mercado do agro em Dourados, confira cotação

DOURADOS

Jovem morre a caminho de hospital após ser atingido por facada no abdômen

DOURADOS

Justiça manda arquivar processo de improbidade contra envolvidos na Operação Pregão

DOURADOS 

Jovem é estuprada após ser abordada por desconhecido em Saveiro branco