domingo, 25 de fevereiro de 2024
Dourados
22ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Evento em Brasília, gabinete fechado e assessor exonerado

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

09 janeiro 2024 - 00h05

Democracia – Da mesma forma que ocorreu em boa parte do país, a polêmica em torno do evento realizado pelos poderes constituídos na tarde de ontem, em Brasília (DF), como forma de fortalecer a democracia e se posicionar contra as ações que resultaram na depredação nas sedes do Planalto, Congresso e do STF, em 8 de janeiro do ano passado, também afetou Mato Grosso do Sul. 

Democracia 2 – Por aqui, o deputado federal Geraldo Resende cobrou na manhã de domingo o atual presidente do PSDB e ex-governador Reinaldo Azambuja, sobre um posicionamento forte e a presença do governador Eduardo Riedel na capital federal para participar do ato denominado Democracia Inabalada.

Mais democracia – Com Riedel em férias, caberia ao vice Barbosinha (PP) representar o Estado. Porém, ele passou o dia em agendas internas. No domingo, antes mesmo do anúncio dos trabalhos do governador em exercício, o deputado estadual Zeca do PT cobrou uma resposta do Executivo sul-mato-grossense pela indefinição da presença no encontro. 

Ausências - Apesar da 'briga' e da cobrança pública, nenhum dos dois marcou presença no ato realizado na capital de todos os brasileiros. 

Radicalizando – Por falar nas férias de Eduardo Riedel, no final de semana o governador mostrou mais um lado ‘aventureiro’. Após aparecer sobre um skate longboard pelas avenidas do Parque dos Poderes, em Campo Grande, o chefe do Executivo postou imagem após participar de uma atividade de motocross. 

Férias – Chamou atenção de quem passava pelo interior da Câmara na manhã de ontem, um aviso na porta do gabinete do vereador Cemar Arnal (Solidariedade), concedendo ao mandato um tempo maior de pausa em relação aos outros. 

Só em fevereiro - “Estamos de férias, retornaremos as atividades em 5 de fevereiro de 2024”, dizia o recado, mesmo com a Casa retomando os trabalhos legislativos na segunda-feira. 

Saída – O coordenador geral da UGP (Unidade de Gerenciamento de Processo), Lauro Maymone Coelho Neto, deixou o cargo de Assessor Especial I, conforme decreto publicado em Diário Oficial e assinado pelo prefeito Alan Guedes (PP) e o secretário municipal de Administração, Vander Soares Matoso. Ele era lotado no Gabinete do Prefeito e sai para tratar de assuntos particulares, conforme apurou a coluna. 

Trajetória – Lauro chegou à administração municipal em julho de 2022, assumindo o Imam (Instituto Municipal de Meio Ambiente) e desde 2023 atuava na coordenação da UGP, responsável pela parte burocrática das ações dentro do projeto Desenvolve Dourados, lançando pela administração municipal há pouco mais de um ano. 

Consórcio – A oficialização da saída ocorre no mesmo dia que a prefeitura publicou o extrato de contrato junto ao Consórcio Supervisor Desenvolve Dourados, formado pelas empresas HDO Engenharia e Consultoria Ltda e Beck de Souza Engenharia Ltda, vencedoras do processo licitatório para revisão dos projetos e supervisão das obras que serão contratadas ao longo do programa que promete melhorar a infraestrutura e mobilidade do município nos próximos anos. Porém, isso não teria qualquer motivação na saída do agora ex-diretor, conforme apurou Na Lata!. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Licitação da Central do Cidadão tem empresas inabilitadas e pode ‘fracassar’ novamente

Projeto quer endurecer farra das “datas comemorativas” em MS

Ex-diretor do Instituto Federal é nomeado na prefeitura

Ex-secretário é multado pelo TCE por irregularidades na saúde

Presidente da FFMS goza com a cúpula da CBF, enquanto futebol local agoniza

Mais Lidas

VILA SÃO BRAZ

Após ameaçar esposa, homem é morto pelo cunhado em Dourados

DOURADOS

Trio é preso durante investigação contra grupo suspeito de aplicar R$ 130 mi em golpes a produtores

DOURADOS

"Gostei do que vi": mulher denuncia vizinho após flagra-lo olhando pelo muro

JARDIM NOVO HORIZONTE

Bebedeira entre irmãos termina em tentativa de feminicídio em Dourados