Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020
(67) 99659-5905
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

CPI da Energisa é movimentada, mas apenas na Justiça

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

26 maio 2020 - 00h04

Reunião – Conselho Superior do Ministério Público de Mato Grosso do Sul se reúne na próxima segunda-feira (1/6) para a segunda sessão virtual realizada por conta da pandemia. Em pauta, vários inquéritos em andamento nas promotorias de Dourados, boa parte com mais de três anos da data de início. 

Saúde – Um deles, de 2017, trata sobre supostas irregularidades na gestão do Hospital de Cirurgias da Grande Dourados no que diz respeito a subutilização da estrutura da unidade de saúde. A ação tem como requerido, a administração municipal. 

Legislativo – Já em outro, diz respeito a investigação sobre o recebimento de diárias indevidas por vereadores de Dourados. O Inquérito, também datado de 2017 teve em 20 de abril, pedido ao presidente da Casa, Alan Guedes (PP), que encaminhasse relatório financeiro sobre o gasto mensal com pagamento das diárias nos últimos 12 meses. Na época da abertura das investigações, a Casa era presidida pela atual 2ª secretária, vereadora Daniela Hall (PSD).

Enquete – Mais de 36 % dos 1.135 participantes de enquete proposta pelo Dourados News apontam que o fechamento do comércio novamente seria a melhor forma de ‘frear’ o avanço do coronavírus no município. Já para 35,51% não são necessárias novas medidas e, sim, as pessoas respeitarem as determinações. Outros 28,11% participantes defendem o lockdown no município.

Visita – Com o aumento constante de casos de coronavírus em Dourados, força-tarefa da Secretaria de Estado de Saúde deve desembarcar ainda esta semana no município para verificar as ações realizadas pela pasta na cidade e região. A informação foi repassada pelo secretário de Saúde Geraldo Resende na manhã de ontem.

Antecipou – Não demorou os 10 dias estimados pela Secretaria de Estado de Saúde para que os pacientes de coronavírus em Mato Grosso do Sul chegassem a mil. Do dia 16 de maio, quando a previsão foi feita, até ontem (25/5), contabilizou-se 515 novos casos em MS, totalizando 1.023. 

CPI – Mesmo com as atividades suspensas por conta da pandemia, a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investiga suposta irregularidade na cobrança das contas de energia do sul-mato-grossense, entrou com recursos na Justiça contra liminar conseguida pela Energisa para barrar a perícia em 200 medidores, contratado pela Assembleia. 

Investigação – A aprovação da Comissão ocorreu em novembro do ano passado em meio a polêmica na Assembleia pela alegação da ausência de um objeto definido de análise e até o momento, apenas algumas pessoas passaram por oitivas na Casa, sem que realmente ocorresse algo de interessante à população. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Abstenção deve ser mais um obstáculo a candidatos nas eleições da pandemia
Prefeitura vai à Justiça contra Frente Parlamentar
Mexida no tabuleiro anima postulantes à disputa pela prefeitura de Dourados
Câmara de Dourados agora tem quatro vereadores investigados por corrupção
Promotor pede mais um ano para investigar vereador sobre “empenha 200 contos”

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário