Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

CPI da Covid em Dourados ainda não tem data para convocar depoimentos

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

23 abril 2021 - 00h04

Análise – Presidente da CPI da Covid em Dourados, o vereador Fábio Luis (Republicanos) disse que o grupo ainda não definiu as pessoas a serem ouvidas pelos integrantes da Comissão durante as investigações. Conforme relatado por ele, “a questão será tratada com os devidos cuidados legais de direito a ampla defesa”. Por enquanto, os integrantes se aprofundam nas mais de 5 mil folhas encaminhadas pela prefeitura para análise. 

Orçamento – Audiência pública de apresentação da Lei de Diretrizes Orçamentárias para o próximo ano será realizada hoje, às 10h, na Câmara de Vereadores de Dourados. A explanação sobre o tema ficará a cargo da Secretaria Municipal de Fazenda.

Encontro – Protagonistas de debates acirrados e ataques pessoais em 2014, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e o ex-senador e candidato ao governo nas eleições daquele ano, Delcídio do Amaral (PTB), dividiram a mesma sala nesta semana. O encontro ocorreu na terça-feira, na governadoria, durante agenda do prefeito de Figueirão, Professor Juvenal (PTB), com o chefe do Executivo estadual. 

Análise – Seguidor dos passos do presidente, o deputado estadual Coronel David (sem partido) disse ainda aguardar a decisão de Jair Bolsonaro (sem partido) para buscar a filiação a um novo partido. No ano passado, o nome do parlamentar foi especulado no Democratas.

Emoção – O secretário de Estado de Saúde Geraldo Resende foi às lágrimas ao receber os parabéns da adjunta Christine Maymone pelo aniversário e por, no mesmo dia, tomar a segunda dose da CoronaVac. O choro do secretário ocorreu durante transmissão ao vivo do boletim epidemiológico do governo na manhã de quarta-feira. 

Viagem – O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) retornou a Brasília (DF) na quinta-feira, mas desta vez para tratar sobre segurança pública com o ministro da Justiça, Anderson Torres, solicitando a liberação de R$ 70 milhões em emendas para o programa MS Mais Seguro. 

Saúde – A agenda ocorre pouco mais de uma semana após viagem à Capital federal. No dia 13 de abril, o chefe do Executivo esteve com o ministro da Saúde Marcelo Queiroga, solicitando medicamentos para o kit intubação, testes rápidos para o coronavírus e mais doses de vacina contra a doença.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Adjunto completa dois meses como ‘tampão’ na Saúde de Dourados
Vereador diz que “não toca mandato pela internet” e gera polêmica na Câmara
Câmara oficializa mais uma Frente Parlamentar: a "Cristã"
Aliada de Bolsonaro critica fala de senadora de MS na CPI da Covid
Direcionamento de pacientes da UPA para HV gera crise entre médicos

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados