segunda, 15 de julho de 2024
Dourados
10ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Comissão da Assembleia entra com ação contra reajuste na tarifa do pedágio

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

10 julho 2024 - 00h04

Ação – Presidente da comissão que acompanha os trâmites do processo de relicitação ou repactuação do contrato de concessão da BR-163, deputado estadual Junior Mochi (MDB), afirmou durante a sessão de ontem na Assembleia Legislativa que os membros do grupo de trabalho decidiram entrar com uma Ação Civil Pública pedindo a suspensão do reajuste do valor do pedágio cobrado na via. 

União – O parlamentar ainda convocou todos os deputados a assinarem o documento contrário a tal medida até que seja decidido o futuro da concessão entre o Governo Federal e a CCR MSVia, responsável em administrar o trecho de quase 850km da rodovia federal que corta o Estado de Norte a Sul. Recentemente, a ANTT (Agência Nacional de Transporte e Trânsito) autorizou o aumento na tarifa nas praças de pedágio em 3,69%. A principal queixa nesses quase 10 anos de vigência de contrato é pela não duplicação da estrada.

Pré-candidatura – Diante da ofensiva do PSDB e do acordo selado junto ao PL em Campo Grande, o presidente municipal do Partido Liberal, deputado federal Rodolfo Nogueira, garantiu que não vai abrir mão da pré-candidatura da esposa Gianni à prefeitura de Dourados. No final de semana, o presidente estadual tucano, ex-governador Reinaldo Azambuja, disse que se reuniria com o parlamentar para tratar assuntos relativos ao pleito. 

Território – Observando o jogo de xadrez que vem se desenhando na capital, o prefeito Alan Guedes desembarcou ontem para compromissos em Brasília e aproveitou para se reunir com a senadora Tereza Cristina, principal liderança Progressista em Mato Grosso do Sul, para tratar sobre assuntos relacionados ao município e, claro, o pleito que se aproxima. 

Balanço – De recesso desde ontem, a Câmara de Vereadores divulgou balanço das ações do primeiro semestre deste ano. De acordo com a Casa, foram realizadas neste período 23 sessões ordinárias, uma extraordinária e outras 24 sessões solenes. Houve ainda 12 audiências públicas envolvendo temas variados. 

Balanço 2 – Também foram votados e aprovados projeto de emenda à LOM (Lei Orgânica do Município), 16 projetos de lei complementar, 107 projetos de lei ordinária e 195 projetos de decreto legislativo, além de 10 vetos do poder executivo, totalizando 330 matérias de interesse público levados a plenário.

Retorno – O retorno das sessões na Câmara de Vereadores acontece no dia 22 de julho, daqui a menos de duas semanas. Neste período, apesar da pausa nos encontros, o atendimento ao público segue normalmente de segunda a sexta-feira, com expediente entre 7h e 13h.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Parlamentar de MS vai entrar na disputa pela presidência do Senado

Deputados denunciam padre após fala política em missa

Votação; visita de ministra e ferramenta eleitoral já colocada no ar

Comissão da Assembleia entra com ação contra reajuste na tarifa do pedágio

Lideranças locais são apontadas como maiores ‘puxadores de votos’ em MS

Mais Lidas

ABUSO SEXUAL

Homem é preso em flagrante acusado de estuprar sobrinha em Dourados

OPORTUNIDADE

Com recrutamento noturno, indústria abre 400 vagas de trabalho em Dourados

MS

Inscrições para o Curso de Libras EAD Nível I do 2º Semestre abrem dia 15 de julho

DOURADOS

Ministro admite atraso e prevê projeto de novo terminal do Aeroporto concluído até fim de julho