Menu
Busca domingo, 31 de maio de 2020
(67) 99659-5905
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Braz ironiza suplentes por vaga na Câmara: “não adianta soltar rojão”

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

03 abril 2020 - 00h04

Prazo – Termina hoje o prazo para detentores de mandatos de vereador trocarem de partido de olho nas eleições de 4 de outubro – majoritária ou proporcional -, alegando justa causa. Conhecida como ‘janela partidária’, o período apto para essas mudanças teve início no dia 5 de março. 

Filiação – Já amanhã é o último dia para os pretensos candidatos aos cargos eletivos estarem com as respectivas filiações partidárias deferidas pelas legendas escolhidas e com o domicílio eleitoral registrado na cidade onde concorrerá ao pleito. 

Cadeira – Em meio a suspensão de sessões e atividades internas, a Câmara de Dourados pode retornar com uma nova formação após o período de quarentena, determinada como prevenção do coronavírus, após o mandato do vereador Braz Melo (PSC) ser novamente cassado pela Justiça na condenação de improbidade administrativa da época que era prefeito, nos anos 1990. 

Ocupa – Mediante a nova determinação, resta saber quem assumirá o posto caso o parlamentar tenha mesmo que se ausentar. Se a ex-secretária de Administração e Educação Denize Portollan (PL), primeira suplente e ré na Operação Pregão que apura esquema de corrupção na fraude de processos licitatórios, ou a radialista e jornalista, Lia Nogueira (PL). 

Time – Se confirmado o retorno da ex-titular das duas pastas da atual gestão ao Legislativo, serão quatro os parlamentares investigados por corrupção atuando na Câmara de Dourados nesse final de ciclo, mais de um quinto do total de cadeiras na Casa, que é 19.

Mais time – Nessa projeção, soma-se a Denize os vereadores Cirilo Ramão (MDB), Idenor Machado (PSDB) e Pedro Pepa (DEM), presos em dezembro de 2018 na Operação Cifra Negra, que investiga fraudes na licitação para contratação de empresas de gestão. 

Ironizou – Aguardando a publicação da decisão na íntegra, que deve acontecer ainda hoje, o vereador Braz Melo foi direto ao responder questionamento do Dourados News. Alegando que a determinação ainda cabe recurso, ele aproveitou ainda para cutucar os suplentes de olho na cadeira ocupada por ele. “Não adianta soltar rojão antes da hora!”. 

Isolamento – Os pedidos de técnicos em saúde e autoridades políticas para que a população se mantenha em casa durante o período de quarentena pela pandemia de coronavírus, têm sido ignorados pela população. Grupos ainda teimam em se reunir em ambientes fechados e abertos, comprometendo sempre o trabalho de prevenção que pode salvar vidas. Enquanto isso, os casos confirmados da doença em Dourado e no Mato Grosso do Sul vão aumentando diariamente.

*Colaborou André Bento

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Sessão remota tem parlamentar sob árvore e deputado rodeado por cães
Em live com deputado, ex-senador solta a voz e faz cover de Bob Dylan
Délia precisa trocar o tom dramático de vídeos e mostrar firmeza nas decisões
CPI da Energisa é movimentada, mas apenas na Justiça
Se unificada, eleição acaba com ‘trampolins’ políticos a cada dois anos

Mais Lidas

DOURADOS
Protocolo é seguido e mulher vítima do coronavírus é enterrada sem despedida de familiares
PANDEMIA
Estado alerta que Dourados deve ser cidade com mais casos de Covid-19 na próxima semana
MAIORIA JOVENS
Vítima fatal da Covid-19 faz parte da faixa etária com mais casos da doença em Dourados
POLÍCIA
Homem encontrado morto sob a ponte do Calarge tinha 38 anos