quarta, 17 de julho de 2024
Dourados
10ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Após se rebelar contra decisão, deputado é avisado que não é mais presidente de partido em MS

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

05 julho 2024 - 00h05

Agenda – Está agendado para 9h desta sexta-feira, em Campo Grande, o anúncio de investimentos das emendas destinadas pela Bancada Federal de Mato Grosso do Sul e as contrapartidas do Governo do Estado. O evento acontece no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, no Parque dos Poderes. 

Treta – Apoio confirmado ao PSDB na disputa pela prefeitura de Campo Grande fez o PL ‘ruir’ em Mato Grosso do Sul. Ontem, o deputado federal Marcos Pollon foi avisado pelo presidente nacional da legenda, Waldemar da Costa Neto, com aval do ex-presidente da República, Jair Bolsonaro, que não estaria mais à frente da direção estadual do partido. 

Motivo – O fato ocorre dias após o parlamentar se rebelar nas redes sociais contra a confirmação do apoio de Bolsonaro ao deputado federal Beto Pereira, pré-candidato à prefeitura da Capital pelo PSDB. Na ocasião, ele gravou vídeo em clube de tiro colocando o próprio nome na disputa. Tal ação não caiu bem entre as lideranças nacionais, que decidiram pela saída de Pollon do comando estadual. 

Novela – Mas, a novela não acaba por aí. Sem Pollon na presidência estadual do partido, Bolsonaro teria feito pedido para que o também deputado federal Rodolfo Nogueira assumisse o cargo, porém, ele declinou do convite. Coube a Aparecido Andrade Portela, o ‘Tenente Portela’, amigo pessoal do ex-presidente da República, ‘abraçar’, por enquanto, a bronca. 

Por aqui... – Se em Campo Grande o PL já se posicionou ao lado do PSDB, em Dourados a situação permanece ‘como estava’. Presidente do diretório municipal do partido, Rodolfo Nogueira segue tentando emplacar a candidatura da esposa Gianni à prefeitura. Se vai conseguir, já é outra história. 

Investigação – Denúncia feita no ano passado e tratada como Notícia de Fato foi transformada no início de julho de 2024, em Inquérito Civil pela 11ª Promotoria de Justiça de Dourados, para investigar alguns estabelecimentos que promovem música ao vivo na Avenida Weimar Gonçalves Torres, hoje um dos principais corredores gastronômicos do município. 

Investigação ainda – Os pedidos foram realizados no ano passado e têm como requerentes a Associação de Moradores do BNH 1º Plano e Agregados, Condomínio Villa Bela Residence e Resort, além de duas pessoas físicas. Tais reclamações são de supostas irregularidades envolvendo poluição sonora e também ocupação irregular de calçadas. Os estabelecimentos em questão ficam na Avenida, no trecho compreendido entre as ruas Floriano Peixoto e Eulália Pires. 

Arquivamento – Inquérito instaurado em 2017 que resultou em uma das fases da Operação Pregão, em Dourados, pode ser arquivado em 10 dias, caso não haja manifestação de interessados. O processo, investigado pela 16ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social, trata sobre suspeita de irregularidades na contratação de empresa para prestar serviço à administração municipal na época. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Missão federal em Dourados; ação contra aumento do pedágio e convenção agendada para o 1º dia

Proposta quer passar gestão das escolas estaduais de MS para iniciativa privada

Parlamentar de MS vai entrar na disputa pela presidência do Senado

Deputados denunciam padre após fala política em missa

Votação; visita de ministra e ferramenta eleitoral já colocada no ar

Mais Lidas

DESAPARECIMENTO

Douradense desaparece após viajar a trabalho para Maracaju

CAPITAL

Grupo de funcionários responsável por furtar empresa de transporte é desarticulado

DOURADOS

UFGD oferece 293 vagas para transferência de outras universidades e portadores de diploma

CAPITAL

"MS ao vivo" traz o cantor Diogo Nogueira para apresentar novo show neste domingo