quinta, 19 de maio de 2022
Dourados
18°max
min
Campo Grande
17°max
min
Três Lagoas
21°max
min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
BELEZA E ESTÉTICA

Procura por plástica subiu 50% com melhora da pandemia

13 outubro 2021 - 15h56Por Portal R7

A melhora da pandemia de Covid-19, graças ao avanço da vacinação, causou um aumento de 50% na busca pela realização de cirurgias plásticas, de acordo com o cirurgião plástico Marcelo Mariottini. Ele faz essa afirmação com base na observação do dia a dia em seu consultório e destaca que a escalada aconteceu nos últimos quatro meses.

"Nesse período de pandemia, o pessoal mudou hábitos alimentares, principalmente por causa da ansiedade e depressão, e ganhou peso. Com a volta da rotina, especialmente o trabalho presencial e a ida a lugares onde o corpo fica mais exposto, como praias e clubes, eles começam a querer melhorar sua forma física e se sentem mais seguros para buscar os procedimentos agora que o cenário pandêmico melhorou", afirma o especialista.

Na opinião dele, as pessoas optam pelo caminho da intervenção estética em vez da prática de exercícios aliada à reeducação alimentar por causa da pressa para conquistar a mudança desejada.

"Elas buscam o caminho mais rápido, pois são mais imediatistas, querem a mudança do corpo igual buscam uma resposta na internet, não têm mais paciência de fazer dieta e atividade física", analisa.

As mais buscadas são no abdome e nos seios

Segundo ele, as três cirurgias plásticas mais procuradas são a mamoplastia, a lipoaspiração e a lipoabdominoplastia - associação da lipo com a abdominoplastia, por isso, além de remover a gordura localizada de regiões específicas do corpo, também acaba com o excesso de pele e flacidez na barriga. "São cirurgias que promovem o contorno corporal", resume Mariottini.

O especialista destaca ainda a alta demanda pela lipoaspiração HD - iniciais de high definition (alta definição, em tradução livre do inglês) -, também chamada de lipo LAD. Como o próprio nome sugere, esse tipo de lipoaspiração deixa o corpo ainda mais delineado.

"Na lipo normal, o contorno [do corpo] é bidimensional, a gente deixava a espessura do corpo homogênea. Já na lipo 3D, fazemos a distribuição acentuando as marcações musculares", explica o médico. Ele alerta que esse tipo de procedimento não pode ser feito por qualquer pessoa. "É só para quem já malha, mas não consegue uma definição [corporal]", especifica.

A faixa etária das mulheres que buscam pelos procedimentos de contorno corporal está entre os 20 e os 50 anos. Enquanto a mamoplastia tem maior adesão entre mulheres jovens, de 20 a 30 anos, ainda conforme Mariottini.

Intervenções estéticas no rosto

O especialista também reconhece o aumento da demanda por intervenções estéticas no rosto, como a aclamada harmonização facial, mas faz a ressalva de que não necessariamente essa mudança é percebida nos consultórios médicos, pois cirurgiões-dentistas também têm permissão para realizar o procedimento.

"A gente [médicos] tem feito enxerto de gordura na face, que é um procedimento cirúrgico. Em vez de usar o ácido hialurônico [da harmonização facial], a gente usa a gordura, então não tem risco de reação", detalha.

Na perspectiva dele, o isolamento social imposto pela pandemia - e a consequente realização de encontros e reuniões virtuais, que deixam o rosto no foco das atenções - influenciou, principalmente, no aumento da procura pela blefaroplastia: cirurgia plástica que serve para retirar o excesso de pele das pálpebras, a fim de deixar os olhos mais expostos e reduzir a aparência de cansaço.

Antes da plástica, vacine-se

Para quem está pensando em fazer uma cirurgia plástica no momento atual, Mariottini tem dois conselhos importantes: procurar um profissional qualificado e estar com o esquema de vacinação completo. "É preciso aguardar um mês após a vacinação e fazer 15 dias de isolamento antes e depois de realizar o procedimento estético", orienta.

Além disso, o profissional enfatiza a necessidade de respeitar todas as recomendações em relação ao pós-operatório. "Às vezes, a pessoa pensa que por ser uma cirurgia plástica, ela pode ficar mais relaxada, mas não. É uma cirurgia como qualquer outra, então, pode haver complicações", conclui. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO

Agente penitenciário preso em operação contra o PCC é demitido

LEI SECA

Fux vota pela manutenção de multa a motorista que recusa bafômetro

Polícia encontra mais de meia tonelada de maconha em milharal
PONTA PORÃ

Polícia encontra mais de meia tonelada de maconha em milharal

BENEFÍCIO

Bolsonaro sanciona Auxílio Brasil com valor mínimo de R$ 400

TRÊS LAGOAS

Mulher tenta matar namorado após ele tentar terminar relação

UFGD

Mostra Radioteatro Experience acontece sábado em Dourados

CAMPO GRANDE

Madeireira é lacrada após denúncias de carga ilegal de madeira

ELEIÇÕES 2022

Após reunião, partidos da 3ª via adiam anúncio de candidato único

GERAL

Após denúncia Procon encontra alimentos vencidos em supermercado

ESTATAL DE ENERGIA

TCU autoriza venda da Eletrobras, a 1ª grande privatização de Bolsonaro

Mais Lidas

PEDRO JUAN CABALLERO

Dupla é executada em pátio de posto de combustíveis

IDENTIFICADO E PRESO

Quarto envolvido em roubo de joalheria saiu de Dourados para dar apoio aos assaltantes

DOURADOS 

Jovens presos por tráfico vendiam drogas para público universitário

FRONTEIRA

Prefeito de Pedro Juan é alvo de atentado a tiros