Menu
Busca terça, 19 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
SAÚDE E ESTÉTICA

Por que é tão difícil manter a dieta nas festas de fim de ano? Genética explica

18 dezembro 2015 - 12h34

As festas de fim de ano indicam um tempo de celebração e novas resoluções. Muitos que estão tentando manter uma rotina saudável de dieta não gostariam de desviar desse caminho, mas por que parece tão difícil?

Para muitas pessoas seguir uma dieta disciplinada é algo complicado. Todas as situações parecem obstáculos para que ocorra o desvio da meta. A resolução desse aspecto parece depender apenas do controle, foco e disciplina, mas existem outros fatores sobre a dieta que podem colaborar com o boicote a nossa força de vontade.

Há milhares de anos, a vida do homem não era fácil. O acesso aos alimentos na maioria das vezes era incerto e isso fez com que, evolutivamente, genes relacionados à fome e ao armazenamento fossem vantajosos para a sobrevivência. Hoje, vivemos num ambiente obesogênico, no qual a comida está disponível em abundância e necessitamos de pouco esforço físico para sobrevivermos.

Genes que durante anos foram fundamentais para que continuássemos a existir são hoje desnecessários e até maléficos. Por isso o controle frente às inúmeras opções e tentações das festas de final de ano muitas vezes pode ser sabotado pelos nossos próprios genes.
Algumas dessas características fortemente influenciadas pela genética são:

Fome aumentada

Existem pessoas que sentem mais fome do que o normal. Isso ocorre porque elas possuem uma variante genética que controla os níveis de fome e faz com que estes sejam aumentados. Por isso quem apresenta essa variante costuma não se satisfazer com apenas um moderado prato de comida. Uma maneira de minimizar esse efeito é se alimentar com uma maior frequência durante o dia, priorizando alimentos que sejam ricos em fibras e de baixo índice glicêmico.

Necessidade de lanches

A necessidade de fazer lanchinhos também possui uma influencia dos genes. Variantes no gene da leptina, que controla os mecanismos de fome, faz com que algumas pessoas sintam vontade de “beliscar” várias vezes ao dia. Nesse caso é indicado que o plano alimentar seja composto por um número maior de lanches e que a pessoa sempre tenha a mão uma opção saudável para não cair na tentação de comer besteiras.

Desinibição alimentar

Essa situação ocorre quando conseguimos seguir com disciplina uma dieta. Mas em situações fora da rotina, como festas, por exemplo, onde os alimentos tentadores são abundantes, resistir parece impossível. Existem genes relacionados a esse comportamento. Para evitar que esse componente genético não prejudique as metas de emagrecimento ou de manutenção do peso, o ideal é que se faça um lanche ou se alimente antes.

Compulsão por doces

Aquele descontrole em relação aos doces também pode ter uma forte contribuição dos fatores genéticos. Existem genes das vias relacionadas a alguns comportamentos compulsivos e também relacionados ao paladar, que podem fazer com que a vontade de comer doces seja muitas vezes difícil de controlar. Para que essa vontade não prejudique as metas, o ideal é ir em busca de receitas e opções que sejam doces e saudáveis.
Influência da genética

Com o final do ano se aproximando é interessante sabermos que a nossa genética pode influenciar na dificuldade que temos de manter a rotina e os propósitos de nos alimentarmos de maneira saudável, evitando o ganho de peso. É interessante o conhecimento dessas características para nos preparamos e minimizarmos seus efeitos. Assim, é possível ter comemorações animadas sem extrapolar fora da dieta.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foragido da justiça é preso após investigação de furto de celular
DOURADOS
Foragido da justiça é preso após investigação de furto de celular
HC tem linha de cuidado completa para atendimento de doenças cardíacas
SAÚDE
HC tem linha de cuidado completa para atendimento de doenças cardíacas
Dourados começa vacinação contra Covid-19 entre profissionais de saúde na Vila Índio
ATO SIMBÓLICO
Dourados começa vacinação contra Covid-19 entre profissionais de saúde na Vila Índio
Transferências correntes garantiram R$ 10 milhões ao município na quinzena
DOURADOS
Transferências correntes garantiram R$ 10 milhões ao município na quinzena
Mulher é presa acusada de dar cobertura para assaltantes que rendiam família
DOURADOS
Mulher é presa acusada de dar cobertura para assaltantes que rendiam família
DOURADOS
Promotor vê preconceito em comentários contra vacina para índios e denuncia à PF
ECONOMIA
Valor da produção agropecuária de Mato Grosso do Sul chega ao recorde de R$ 70,9 bilhões
ECONOMIA
Copom inicia primeira reunião do ano para definir juros básicos
STF
Suspensa tramitação de inquérito contra desembargador por ofensas a guarda municipal
DOURADOS
Dupla é presa após assaltar entregador em frente conveniência no Jardim Flórida

Mais Lidas

DOURADOS
Morto por descarga elétrica pode ter tentado consertar portão
ACIDENTE
Homem morre após sofrer descarga elétrica em Dourados
DOURADOS
Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras
DOURADOS
Em ação conjunta, polícia deflagra operação para investigar crimes