Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397
BELEZA & ESTÉTICA

Controle a caspa! Veja como tratar a dermatite seborreica

30 abril 2021 - 09h35Por IG Delas

Elas são brancas ou amarelas, ficam em evidência, causam muita coceira e incomodam bastante! A caspa ou dermatite seborreica é um fungo que aparece sem avisar e não é nada bem-vinda. O problema afeta mais de 60% da população brasileira. Em geral ocorre no couro cabeludo , mas também pode atingir sobrancelha, peito, orelha e até nos cílios.

Além de ser um desconforto, a caspa também pode desencadear distúrbios e afetar a autoestima de quem lida com a dermatite, conforme explica a dermatologista Regislaine Miquelin: “A doença não é contagiosa e também não é ocorre por falta de higiene. Suas causas são incertas, mas a genética e alguns fatores externos, como infecção fúngica, alergias, estresse emocional, baixas temperaturas, medicamentos e oleosidade estão relacionados à condição”.

Quem sofre com a descamação fica inseguro de mexer nos cabelos ou usar roupas pretas, já que qualquer movimento no couro cabeludo pode soltar os pontinhos brancos. Mas, mesmo que a vontade de coçar seja grande, é importante evitar mexer nas casquinhas. Isso porque as manchinhas vermelhas deixadas pela descamação ardem e podem até causar feridas no couro cabeludo. 

O tratamento precoce das crises de dermatite seborreica é superimportante, como explica a dermatologista Laís Leonor. Ela aconselha lavagens mais frequentes, interrupção do uso de sprays, pomadas e géis que aumentem a oleosidade dos cabelos. Também é recomendado evitar o uso de chapéus ou bonés, usar xampus que contenham ácido salicílico, alcatrão, selênio, enxofre, zinco e antifúngicos.

O tratamento pode incluir ainda cremes e pomadas com antifúngicos e corticosteroide, que podem ser indicados por especialistas dependendo do quadro clínico da dermatite seborreica. 

Opções naturais para o tratamento da caspa

Além do shampoo anticaspa, o óleo de melaleuca também é um aliado para quem busca por uma opção mais natural de tratar o problema. Ele pode ser usado no rosto e no couro cabeludo, possui ações antifúngicas e anti-inflamatórias, desinfectando as feridas e amenizando a vermelhidão. 

“O óleo de melaleuca ajuda a remover as escamas que ficam no couro cabeludo. É possível adicionar até três gotas da melaleuca em xampu específico para dermatite seborreica ou aplicar diretamente nos lugares prejudicados e deixar agir entre três e cinco minutos antes de lavar. O óleo também ajuda a controlar a oleosidade dos fios e já é componente de alguns dermocosméticos”, diz Leonor.

O vinagre de maçã e o gel da babosa também podem ser soluções baratas e funcionais. O vinagre auxilia no combate do excesso de fungos. Para aplicá-lo, basta molhar um algodão e passar na área infeccionada pela caspa. Já a babosa é uma planta medicinal e que causa sensação de alívio. Aplique o gel da planta sobre a área e lave normalmente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Jovem com mandado em aberto é detido em Bataguassu
POLÍCIA
Jovem com mandado em aberto é detido em Bataguassu
INTERNACIONAL
Comissão da OMS faz recomendações para evitar próxima pandemia
Publicado extrato de adesão de contrato para emissão dos cartões do Mais Social
BENEFÍCIO
Publicado extrato de adesão de contrato para emissão dos cartões do Mais Social
ORDEM DO DIA
Aprovados PLs que prorrogam estado de calamidade pública
DOURADOS
Alerta para chuva intensa acaba com garoa, mas de declínio de temperatura é estendido
ECONOMIA
No MS, exportações crescem e saldo da balança comercial é de US$ 1,213 bilhão
ECONOMIA
Abate de bovinos cai 10,3% no primeiro trimestre do ano
É LEI
Semana Sul-mato-grossense do Leite entra no calendário oficial de MS
DOURADOS
Incra licitará contratação de técnicos em secretariado por até R$ 3,9 mil mensais
PANDEMIA
Com número alto de novos casos de coronavírus, MS ultrapassa 260 mil infectados

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados