Menu
Busca sábado, 18 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
BELEZA E ESTÉTICA

Clínica Viva Mais traz técnica infalível para redução de manchas faciais; Confira aqui

26 julho 2021 - 08h00Por Publicidade

A Clínica Viva Mais traz para Dourados e região métodos garantidos e exclusivos para o tratamento de redução de manchas na pele, como o melasma, que atinge grande maioria da população. Sempre visando um trabalho para impactar positivamente no bem-estar e autoestima de seus pacientes, as profissionais e sócias Vandressa Cristina Falavigna, esteticista e cosmetóloga especialista em pós-operatório e a Dra. Grazielly Brunetta Putton, biomédica esteta especialista em harmonização facial trazem o que há de melhor no mercado da estética para o combate das manchas solares, melasma (cloasma). 

São tratamentos exclusivos que ajudam a amenizar as manchas mais comuns na pele. 

O melasma trata-se de uma disfunção na pigmentação (molécula que define a cor da pele em branca, parda, morena, negra), devido à produção exagerada de melanina, pigmento que dá a cor produzido por nosso próprio corpo. 

Sendo uma doença de ordem crônica, ou seja, sem cura, mas com tratamentos adequados, consegue -se amenizar e proporcionar a pessoa uma vida normal, sem que seja refém de maquiagens pesadas e afins. 

O melasma de forma adquirida, que afeta áreas  mais expostas ao sol, isto é, manchas de formato e bordas não muito definidas  por exposição solar, mas por fatores como  causa genética, hormônios (gestação). Seu formato pode ser de manchas pequenas ou grandes, afetando principalmente as regiões da face (bochecha, testa, queixo e laterais do rosto de cor castanho escuro).

Ocorre em todas as raças, ambos os sexos, com maior incidência em mulheres, principalmente pelo uso de anticoncepcionais orais.

A esteticista Vandressa Falavigna destaca que a exposição solar é um fator importante, nesse caso, mas também a relação dos fatores acusados anteriormente são agravados pelos principais influenciadores, como os vasculares, predisposição genética e proteínas relacionadas à tirosinase , sendo estes as causas mais difíceis de se controlar durante o tratamento, pois são produções do próprio organismo do paciente que vem de alimentação inflamatória , por esse fato,  essa  afecção é tão complexa de se eliminar. No entanto, precisa de um trabalho em conjunto de profissionais e do próprio paciente em ser transparente com suas atividades fora de consultório.

As alternativas mais tradicionais de tratamento correspondem aos dermocosméticos (produtos clareadores e inibidores)  e nutricosméticos (produtos oral) , muitas vezes associados à aplicação do ledterapia e  também soluções que são naturais como o Peeling amazônico que não agridem a pele promovendo a diminuição parcial e até completa de manchas na pele.
A Dra. Grazielly traz junto ao tratamento a técnica de mesoterapia. No caso da mesoterapia voltada para o tratamento de machas como o melasma, um dos agentes aplicados com sucesso é o ácido tranexâmico, um composto já bastante conhecido no contexto das formulações orais e tópicas. Ele apresenta uma atividade denominada antifibrinoítica, bloqueando a conversão de uma substância chamada plasminogênio em plasmina. Essa plasmina tem a capacidade de indiretamente estimular a produção de melanina, responsável pela tonalidade da mancha, por isso ao bloquear essa produção conseguimos obter como resultado o clareamento.

O procedimento envolve micro injeções, realizadas por agulhas muito finas introduzidas minimamente, pois o objetivo é aplicar o produto na derme e não profundamente. Mesmo assim, para evitar qualquer desconforto, utilizamos previamente uma pomada anestésica e junto com os fármacos da mesoterapia também se associa um anestésico próprio para essa via, evitando uma possível ardência.

A Esteticista Vandressa  reforça também algumas dicas sobre os cuidados que devemos ter diariamente ,como: 

• Lavar o rosto duas vezes ao dia, com o sabonete apropriado e não utilizar água quente, pode causar irritação;

• Manter o rosto hidratado, utilizando o hidratante suave e hipoalergênico recomendado .

• Não beliscar, tirar cravos e espinhas ou esfregar a pele para remover mais rapidamente as escamas;

• Não fazer uso de buchas ou esfoliantes fortes ;
• Utilizar filtro solar diariamente;

• Vale reforçar também que não é indicado tentar qualquer receita caseira ou cremes, pomadas que sejam despigmentantes. Uma vez diagnosticado o tipo de pele por um especialista, vale a pena procurar o que mais se enquadra no seu custo x benefício. 
Faça uma avaliação personalizada e descubra o melhor tratamento na Viva Mais. Seja direcionado para o atendimento, clicando aqui

O endereço é Rua João Cândido Câmara esquina com a Rua Monte Alegre, Jardim Central. 

O contato: 67 99862-8526.  

Acompanhe no instagram


 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UEMS
Conselho de Ética está com inscrições abertas para processo eletivo
Neto do narrador Luciano do Valle morre após ser baleado em assalto
VIOLÊNCIA
Neto do narrador Luciano do Valle morre após ser baleado em assalto
IVINHEMA
Homem tem fratura exposta ao ser prensado entre dois caminhões
PANDEMIA
Dourados conta com 104 pessoas em isolamento por coronavírus
Mulher de 50 anos morre após acidente na rodovia BR-163
RIO BRILHANTE
Mulher de 50 anos morre após acidente na rodovia BR-163
TRÊS LAGOAS
Durante confraternização, homem espanca ex-namorada com socos
CAMPO GRANDE
Prova objetiva do concurso da guarda civil será neste domingo
Autoridades apreendem 800 kg de alimentos impróprios para consumo
DADOS FINANCEIROS
Terceira fase do open banking será integrada ao PIX
JUSTIÇA
Casal que vendeu L-200 alugada por R$ 40 mil ganha liberdade

Mais Lidas

DOURADOS
Morto durante o trabalho em fazenda tinha 26 anos
ACIDENTE DE TRABALHO
Maquinário cai e mata trabalhador em fazenda entre Dourados e Itahum
24 HORAS DE VACINA
Dourados terá 'viradão' da vacina para aplicar doses em cinco grupos
REGIÃO
Casal precisa ser socorrido após carro quase ser "engolido" pela chuva