Menu
Busca quarta, 24 de abril de 2019
(67) 9860-3221
IMUNIZAÇÃO

Vacinação contra a gripe começa nesta segunda-feira em Dourados

15 abril 2019 - 06h45Por Da redação

Começa nesta segunda-feira, dia 15 de abril, a vacinação contra a influenza, no contexto da 21ª Campanha Nacional. Conforme o Núcleo de Imunização de Dourados, do Departamento de Vigilância em Saúde, a vacinação inicia pelos grupos prioritários de crianças com idade de seis meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias, e gestantes, que receberão a dose de 15 a 19 de abril.

No município, o público-alvo é estimado em 79 mil pessoas e a vacinação terá como prioridade os grupos elencados pelo Ministério da Saúde. O ‘Dia D’ de vacinação está previsto para 4 de maio e o encerramento da campanha para o dia 31 de maio.

Conforme o Núcleo de Imunização além das crianças e gestantes, são prioritários os grupos de puérperas, trabalhadores em saúde, professores, população indígena com idade a partir de 6 meses, idosos com idade a partir de 60 anos, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estejam sob medida socioeducativa, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, além de pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis.

Durante o período de vacinação de crianças e gestantes também ocorrerá a atualização da caderneta de vacinação com a oferta de demais vacinas constantes no calendário nacional. A partir do dia 22 de abril todos os demais grupos prioritários receberão as doses contra a influenza.

A aplicação das doses será feita, exclusivamente, nos postos de saúde ou unidades de saúde da família, não havendo ainda previsão de postos de vacinação volantes. Conforme o gerente do Núcleo de Imunização, Edvan Marcelo Morais Marques, para receber a vacina os usuários devem comparecer com documento de identificação, atestado para os portadores de doenças crônicas, e cartão de vacinação para gestantes ou crianças.

Em 2019, a população prioritária aumentou em 7 mil pessoas. Conforme explica Edvan, isto representa um crescimento natural da população que reflete na composição do público-alvo. “São crianças que passam a compor o grupo, são pessoas que passam a ter 60 anos, são pessoas que adquirem doenças crônicas, são as pessoas que chegam para morar no município. Tudo isso contribui para este aumento”, disse.

Conforme o Núcleo, as vacinas trivalentes a serem utilizadas no Brasil, contêm três tipos de cepas de vírus e imunizam contra H1N1, H2N3 e Influenza B. Segundo informado pela Secretaria de Estado de Saúde, a princípio, não haverá repasse de vacina além do previsto para quaisquer grupos.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Mulher é roubada ao esperar ônibus próximo ao HU
DOURADOS
Falta de material atrasa manutenção pública e esquina "interditada" leva perigo a usuários
DOURADOS
Jovem cai em golpe pela internet e perde mais de R$ 4 mil em assalto
SHOWBIZZ
Luísa Sonza nega pausa na carreira para cuidar do marido
BILATERAL
Kim Jong-un chega à Rússia para encontro com Vladimir Putin
ELEIÇÃO
Secretário de Saúde de MS toma posse como vice-presidente do Conass
LOTERIA
Mega-Sena acumulada pode pagar prêmio de R$ 90 milhões nesta quarta
SONORA
Mãe e filha ficam em estado grave ao serem atingidas por motociclista bêbado
UNIGRAN
11ª Jornada de Comunicação inicia nesta quarta-feira em Dourados
APOSENTADORIA
Após quase 9 horas, CCJ aprova parecer a favor da reforma da Previdência

Mais Lidas

DOURADOS
Preso é baleado ao estourar cadeado de cela para buscar ‘encomenda’ no pátio da PED
DOURADOS
Preso baleado na perna tentava pegar malote com 13 celulares
IMPASSES
UFGD "desafia" MEC e Ministério pede realização de nova eleição para Reitoria
DOURADOS
Homem morre no HV após ser espancado e polícia suspeita de latrocínio