Menu
Busca quinta, 23 de maio de 2019
(67) 9860-3221

Sedentarismo pode ter várias origens, diz psicóloga

08 dezembro 2012 - 08h30



É neste sábado que atletas profissionais e amadores da região encaram a 1ª Corrida e Caminhada Noturna de Dourados. Além do objetivo beneficente dessa edição, onde os atletas se inscrevem com doações de sangue ou calçados, a corrida busca também chamar a atenção da população para a prática de exercícios regulares. Mas você já se perguntou por que é tão difícil vencer o sedentarismo?

Se seu estilo de vida é sedentário, é preciso primeiro identificar as razões de ele ser assim. São duas as maiores justificativas para adiar a prática de exercícios: ou a pessoa não tem tempo ou simplesmente não gosta de exercícios. A psicóloga Aletéia Ferruzzi, coordenadora do Núcleo de Psicologia da UNIGRAN, oferece solução para ambas.

“A pessoa que justifica a falta de tempo precisa olhar para suas atividades, seus afazeres e prioridades. Com hábitos saudáveis temos mais disposição para as atividades. Já aquele que não gosta de fazer atividade física deve buscar alternativas. São inúmeras as possibilidades, de caminhada a lutas, de locais fechados ao parque, pela manhã ou à noite, certamente uma atividade física lhe é mais agradável”, argumenta.

Mas é bom deixar claro, os resultados não surgem do dia para a noite. Para os mais imediatistas, a psicóloga sugere notar as melhorias mais sutis, como uma maior qualidade de sono e bom humor. “Com um pouquinho de perseverança esses benefícios vão aparecer e servir para espantar esse desânimo e como recompensa pela atividade”, sugere.

Na hora de escolher a atividade, vale a pena investir nas realizadas em grupo, mas só se fizer o seu perfil. “Tem aqueles que gostam de estar em grupo porque um não deixa o outro desistir, fazem uma competição informal de rendimento. Por isso grupos são motivadores, mas cada indivíduo deve buscar sua preferência”, esclarece a psicóloga.

Para os que já venceram o sedentarismo e vão encarar o desafio desse sábado, a corrida começa às 20h30, em frente à Praça Antônio João. Serão 5km de percurso, nas Avenidas Marcelino Pires e Weimar Gonçalves Torres. Para essas e outras atividades físicas, hidratação e um bom alongamento antes de começar são fundamentais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Flávia Monteiro se diverte em praia do Ceará: "minha alma é uma eterna criança"
NOVA ANDRADINA
Menor agride mãe, ateia fogo em móveis, se tranca em cômodo e é salvo pela PM
UEMS
Acadêmicos participam de amistoso de Futebol Suiço na Aldeia Jaguapiru
ITAQUIRAÍ
Casal é investigado por golpes contra idosos que somam mais de R$ 500 mil
NOVO DECRETO
Exército vai definir em 60 dias quais armas cidadãos vão poder comprar
ACIDENTE
Motorista pega no sono e bate caminhão na traseira de outro na BR-163
FUTEBOL
Fifa desiste de fazer Copa do Mundo do Catar com 48 seleções
CRIME AMBIENTAL
Ambiental fecha suinocultura instalada em área protegida de nascentes
JUSTIÇA
Banco é condenado a ressarcir cheque extraviado de R$ 29 mil
UEMS
Estão abertas as inscrições para a VI edição do Enepex

Mais Lidas

POLÍCIA
Após pescaria, marido encontra desconhecido na frente de casa e ameaça mulher com arma em Dourados
PEDRO JUAN
Seis morrem e uma criança fica ferida após ataque de pistoleiros na fronteira
PEDRO JUAN
Três suspeitos de chacina na fronteira são presos pela polícia paraguaia
DOURADOS
Tropa de Choque chega à PED após suspeita de túnel e motim