Menu
Busca sexta, 23 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
Clube Indaiá - Janeiro 2018
APARECIDA DO TABOADO

Menina picada por escorpião morre após dar entrada em Pronto Socorro

07 outubro 2017 - 09h10Por Da Redação

A pequena Pietra Teixeira do Nascimento de 9 anos, moradora de Aparecida do Taboado, morreu na madrugada desta sexta-feira, dia 06 de outubro, após ser picada por um escorpião.

A menina foi picada na madrugada de quinta-feira (05) e logo em seguida a levaram ao Pronto Socorro da cidade, onde não havia o soro antiescorpiônico.

O secretário de saúde da cidade, Márcio Garcia Galdino confirmou que no hospital não havia o soro, e disse que irá "investigar" o motivo da falta do medicamento.

Segundo o site Midiamax, Pietra dormia com a avó quando foi picada em um dos dedos por volta das 4h30. Segundo o pai, a menina gritou, momento em que viram um escorpião amarelo embaixo do travesseiro. "Ela já acordou suando", disse o pai. A casa onde ocorreu o fato fica em um sítio a um quilômetro do centro da cidade.

O animal peçonhento foi morto e ela foi levada imediatamente ao Pronto Socorro da cidade. "Lá ela ainda ficou uns 15 minutos para receber atendimento", disse o pai.

Ainda de acordo com Patrick, enquanto ela esperava, foi dado um soro para cortar os vômitos, e em seguida, informaram que não havia o soro contra a picada do escorpião. Ainda de acordo com o pai, por mais de uma hora, o hospital tentou a regulação para transferí-la para outra cidade.

Patrick conta que já tinham tomado a decisão de irem para Santa Fé do Sul, em São Paulo, que fica a aproximadamente 29 quilômetros de Aparecida do Taboado. Neste momento, segundo a família, regularam a transferência de Pietra para Três Lagoas - distância de 130 quilômetros. "Iriam levá-la em uma ambulância sem UTI, foi quando a gente resolver ir para Santa Fé por conta própria".

Patrick lembra que o irmão mais novo de Pietra já havia sido picado por escorpião a aproximadamente dois anos. Na época ele foi levado para o Pronto Socorro de Aparecida do Taboado, onde foi medicado normalmente com o soro contra a picada. " A gente tinha certeza que lá tinha".

Na cidade paulista, a menina foi prontamente atendida e tomou o soro antiescorpiônico. Porém, o veneno já havia atingido alguns órgãos. O pai relata que a filha também foi diagnosticada com água no pulmão.

Ela foi levada à Santa Casa da cidade do estado vizinho, onde foi feita a drenagem do líquido, porém a menina não resistiu e morreu por parada cardíaca na madrugada desta sexta-feira (06), durante a internação.

A mãe de Pietra, que é separada do pai da menina contou que a filha foi sepultada por volta das 17 horas desta sexta-feira (06). "Nunca mais vai sair a frase da minha cabeça quando chegaram aqui e disseram que não tinham uma notícia boa para me dar".

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Atriz Agatha Moreira tem nova foto divulgada em ensaio
OURO DE OFIR
Justiça nega liberdade a suspeito de chefiar grupo que aplicava golpes
SEM TARIFA
Trabalhadores poderão transferir salário para contas digitais
DOURADOS
Suspeito de atirar em mulher durante assalto é preso
CAMPO GRANDE
Família perde tudo após registro do botijão de gás falhar e incendiar casa
INTERVENÇÃO FEDERAL
Novo secretário de Segurança do RJ será general da ativa do Exército
CHUVA
Mecânico perde 7 carros de clientes com cheia do Rio Aquidauana
TRÁFICO
Polícia apreende no Paraná meia tonelada de maconha que saiu de MS
JUSTIÇA
Acusado de feminicídio é condenado a 12 anos de prisão
UFGD
Publicado resultado preliminar da seleção para Tutor UAB 2018

Mais Lidas

MS-276
Homem morre em acidente entre Indápolis e Lagoa Bonita
DOURADOS
Mulher é baleada durante assalto na avenida Indaiá
DOURADOS
Fundadora de creche vai à polícia após denúncia de agressão
AVENIDA INDAIÁ
Baleada em assalto em Dourados passa por cirurgia