Menu
Busca quinta, 24 de janeiro de 2019
(67) 9860-3221

Diabetes pode estar ligada à perda de audição, aponta estudo

04 dezembro 2012 - 09h57



Já foram encontradas provas de que a diabetes está ligada ao aumento do risco de problemas cardiovasculares e nos rins, além de perda da visão, mas um novo estudo de uma universidade japonesa aponta que a doença também tem relação com a perda da audição.

Os pesquisadores indicaram que as pessoas jovens que têm diabetes estão sob um risco ainda maior que as mais velhas, embora não souberam explicar as razões. "A análise sugere que a perda da audição foi mais consistente em pacientes diabéticos quando comparados a pacientes não-diabéticos, qualquer que fosse a idade", escreveu Chika Horikawa, da Faculdade de Medicina da Universidade de Niigata.

Não é a primeira vez que pesquisadores encontraram uma ligação entre diabetes e a perda da audição. Em 2008, pesquisadores do Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos verificaram padrões semelhantes em um corpus de 11 mil pessoas. Os diabéticos tinham duas vezes mais chance de perderem a audição que os indivíduos saudáveis.

De acordo com Horikawa, é provável que os altos níveis de açúcar no sangue - que causam a diabetes - levem à surdez ao danificar os vasos sanguíneos da área dos ouvidos.

Horikawa e seus colegas reuniram informações de 13 estudos anteriores sobre o assunto, publicados entre 1977 e 2011. No total, foram analisadas 7.377 pessoas com diabetes e 12.817 sem essa condição. A equipe japonesa descobriu que os diabéticos tinham 2,15 vezes mais chances de perder a audição que as pessoas saudáveis. Mas quando os resultados foram divididos por faixa etária, eles descobriram que diabéticos com menos de 60 anos tinham 2,61 mais risco, enquanto os com mais de 60 anos tinham 1,58 mais chances.

Alguns especialistas, porém, alertam que esse tipo de estudo não prova que a diabetes é diretamente responsável pela surdez. "Não responde definitivamente à questão, mas levantam um ponto importante sobre o qual os pacientes podem ter dúvidas", afirma Steven Smith, especialista em diabetes de uma clínica do Minnesota.

Horikawa, por sua vez, indica que as pessoas devem reconhecer a diabetes como um fator importante na perda de audição. "Além disso, esses resultados propõem que os pacientes diabéticos sejam examinados ainda quando jovens", conclui.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Médico é sequestrado no estacionamento da Santa Casa, mantido refém e ladrões levam BMW
EDUCAÇÃO
Arquitetura e Urbanismo do IFMS tem maior concorrência no 1º dia do Sisu
CHOCOLATE
Torta palha italiana repleta de brigadeiro, super cremosa
NAVIRAÍ
Trio é preso com revólver e maconha quando iam dar uma ‘voltinha’
EDUCAÇÃO
Em Semana Pedagógica, Senai alinha ações e calendário de atividades para 2019 no Estado
INSPIRE-SE
Apartamento de 46 m² com cozinha escondida e adega suspensa
CAPITAL
Governo reforça segurança no Aquário do Pantanal
DOURADOS
Festa com adolescentes e bebidas alcoólicas termina com 12 pessoas na delegacia
DADOS
Detran-MS é o primeiro do país a dispor de painel atualizado com números do trânsito
GOVERNO
Na Capital Federal, Reinaldo Azambuja se reúne com governadores do Brasil Central e ministros de Bolsonaro

Mais Lidas

OPERAÇÃO PREGÃO
Ex-secretário de Fazenda João Fava Neto é preso na Capital
POLÍCIA
Rapaz vai parar na cadeia após ser flagrado empinando moto em Dourados
POLÍCIA
Homem é flagrado com mais de 150 kg de cocaína em fundo falso de caminhão
PARANHOS
Sogro de narcotraficante é executado a tiros na região de fronteira