Menu
Busca segunda, 19 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
Clube Indaiá - Janeiro 2018

Deficiente mental receberá benefício do Ministério da Saúde

16 dezembro 2003 - 12h31

O Ministério da Saúde, em parceria com a Caixa Econômica Federal, lançou hoje, o programa "De Volta para Casa", que tem como objetivo a ressocialização de pacientes portadores de deficiência mental, permitindo que eles possam deixar o hospital e voltar ao convívio familiar e social. Para ajudar no tratamento e nas despesas de casa, o paciente irá receber um benefício mensal no valor R$ 240,00. O pagamento será feito, a partir de hoje, nas agências, correspondentes bancários da Caixa e lotéricas de todo o país. Para receber o benefício, chamado auxílio-reabilitação psicossocial, será aberta uma Conta Caixa Aqui em nome do beneficiário ou seu representante legal. A Conta Caixa Aqui pode ser movimentada com cartão magnético em qualquer ponto de atendimento do banco e não cobra tarifas até 12 operações mensais. O auxílio será entregue diretamente ao beneficiário, durante um ano, salvo na hipótese de incapacidade de exercer pessoalmente atos da vida civil. Nesse caso, o representante legal da pessoa receberá o dinheiro por ela.O lançamento aconteceu na manhã de hoje, em Recife, com a presença do ministro da Saúde, Humberto Costa, da superintendente da Caixa na região, Bartira Araújo, e de dois beneficiários do Programa. Inicialmente, em todo o Brasil, estão cadastrados 206 pessoas, mas a meta do Ministério para o ano que vem é chegar a 2.500 beneficiários. Além dos R$ 240,00, os pacientes inscritos no "De Volta para Casa" têm a garantia de acompanhamento de equipe especializada e participam de atividades de reabilitação, residência terapêutica, trabalho protegido, lazer monitorado, entre outras, conforme a necessidade de cada um. Apenas podem participar do programa aqueles pacientes que permaneceram internados por um período igual ou superior a dois anos em hospitais cadastrados no Sistema Único de Saúde (SUS). Se no período de 12 meses o beneficiário não apresentar condições favoráveis à completa reintegração à sociedade, o auxílio será renovado.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

ARTIGO
Enquanto houver medo não haverá revolução
SEGURANÇA PÚBLICA
Sejusp e PRF vão compartilhar dados em MS
CAMPO GRANDE
Supermercado pode ser multado por fazer propaganda enganosa
ITAQUIRAÍ
Contador é executado com cinco tiros em MS
ESTRUTURA
MPE quer raio-x para vistoriar bagagem despachada no Aeroporto de Bonito
PUBLICAÇÕES
Editora da UFGD lança edital para publicação de obras comemorativas
TEMPO
Chuva de fevereiro já ultrapassa média prevista para o mês
POLÍCIA
PRF recupera na BR-262 veículo roubado e clonado em Cuiabá
APÓS ATO DE SELVAGERIA
Atacante do Operário que espancou gandula é punido pelo clube
CASA VERDE
Motorista contratado em Dourados é preso com 1t de maconha

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é encontrado gravemente ferido em estrada vicinal
CORONEL SAPUCAIA
Empresário é assassinado com sete tiros na região de fronteira
AMAMBAI
Mulher sai para pegar milho e morre a tiros em estrada vicinal
CENAS LAMENTÁVEIS
Gandula é espancado por jogador em clássico no Morenão