Menu
Busca Quarta, 17 de Janeiro de 2018
(67) 9860-3221
Bigolin

Santa Casa de Campo Grande trabalha com déficit mensal de R$ 2 milhões, diz secretário

28 Novembro 2012 - 16h30

#####Campo Grande News

O secretário municipal de saúde, Leandro Mazina, afirmou que hoje a Santa Casa de Campo Grande trabalha com déficit mensal entre R$ 2 milhões a 2,5 milhões, mas as dívidas são negociadas ou estão sendo questionadas judicialmente. “Estamos pagando as dívidas com a Enersul, Águas Guariroba e os bancos, as quais foram devidamente renegociadas e parceladas. Hoje não há nada vencido sem ser pago”, destaca.

A afirmação foi durante audiência da Comissão Especial para Acompanhamento dos Problemas da Santa Casa, na Câmara de Vereadores, na manhã desta quarta-feira (28), o presidente da ABCG (Associação Beneficente de Campo Grande) Wilson Teslenco, disse que a cada ano a dívida do hospital aumenta.

“A audiência de hoje foi marcada para ouvir do secretário de saúde o relatório final da atuação dele com a junta interventora da Santa Casa”, disse Wilson.

O hospital está sob intervenção do poder público há sete anos. Por decisão judicial, o comando do hospital vai voltar para ABCG (Associação Beneficente de Campo Grande) em meados de 2013. “Ainda está sendo negociada, porém tem grandes chances do hospital voltar para a associação”, afirma o presidente.

Esta é a segunda audiência sobre o tema em menos de 10 dias. No último dia 21 a Comissão discutiu o assunto, tendo como principal tema a dívida do maior hospital do Estado que, segundo Wilson já chega em R$ 130 milhões.

O secretário municipal de saúde, Leandro Mazina, afirmou que hoje a Santa Casa trabalha com déficit mensal entre R$ 2 milhões a 2,5 milhões, mas as dívidas são negociadas ou estão sendo questionadas judicialmente. “Estamos pagando as dívidas com a Enersul, Águas Guariroba e os bancos, as quais foram devidamente renegociadas e parceladas. Hoje não há nada vencido sem ser pago”, destaca.

Os vereadores da Comissão questionaram o secretário sobre o Hospital do Trauma que está sendo construído em anexo ao hospital há pelo menos 3 anos, para ser uma unidade de atendimento de urgência e emergência para todos os tipos de trauma.

Segundo Leandro, a expectativa era entregar o hospital do trauma no mês de dezembro, no entanto devido ao atraso nas obras do prédio o prédio será entregue na próxima administração. “No próximo dia 15 de dezembro faremos uma avaliação para ver o que pode ser entregue ainda este ano”, disse.

Ainda conforme ele, o hospital já tem R$ 7,5 milhões garantidos junto ao Ministério da Saúde, mas serão necessários cerca de R$ 12 milhões para equipar completamente o prédio.

Para o presidente da Comissão de Saúde e membro da Comissão Especial, o vereador Dr. Loester Nunes, se o relatório fosse fechado hoje a opinião dos vereadores seria de que o funcionamento da Santa Casa está inviável como está.

“Atualmente as cirurgias eletivas estão suspensas, por falta de energia, pois os geradores não suportam a carga de energia do hospital. O pagamento dos médicos que não possuem carteira assinada atrasou dois meses”, disse, acrescentando que a Santa Casa não está bem e a população está sofrendo com isso.

Leandro explicou que houve o atraso no pagamento porque o hospital teve que pagar impostos. “Quanto a falta de luz, já solicitamos um transformador que está vindo de outra cidade e ainda vai demorar pelo menos 25 dias para resolver o problema definitivamente”, disse.


Divida

A dívida do hospital cresceu quase 22% no ano passado. Em 2010, o montante totalizava R$ 68,9 milhões. Já em 2011, aumentou para R$ 84,2 milhões.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TELEVISÃO
Thais Fersoza deixa a Record após 12 anos: "novos caminhos"
NOTAS
Resultado do Enem 2017 deve sair às 11 horas desta quinta, diz Inep
POLÍTICA
Se Previdência não for votada em fevereiro, não será mais, diz Maia
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 12 milhões nesta quarta-feira
NOVA ALVORADA
Homem é assassinado com cinco tiros enquanto caminhava
EDUCAÇÃO
Está aberto o processo de Avaliação Socioeconômica 2018 da UFGD
EDUCAÇÃO
Processo seletivo do Vale Universidade vai oferecer 550 vagas
MS-395
Caminhão com tijolos capota após motorista desviar de tamanduá
ECONOMIA
Tarifa de energia deve permanecer na bandeira verde até março
TEMPO
Quarta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é derrubado de moto em roubo e fica desacordado
Homem é derrubado de moto em roubo e fica desacordado
POLÍCIA
Quatro motos são furtadas em poucas horas em Dourados
EDUCAÇÃO
UFGD divulga resultado do Vestibular 2018
DOURADOS
Rapaz é sequestrado enquanto esperava esposa em frente a hospital