Menu
Busca terça, 18 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Produtores do Centro-Oeste receberão benefício em caso de calamidade

18 dezembro 2012 - 14h30

Os pequenos agricultores do Centro-Oeste terão direito a um benefício que concede condições mínimas de sobrevivência para quem vive em localidades que frequentemente estão sujeitas a perda da produção por causa da estiagem ou do excesso de chuva.


É o que determina o projeto (PLS 238/2012) do senador Antonio Russo (PR-MS) que estende o Seguro Garantia-Safra aos municípios do Centro-Oeste. A proposição foi aprovada pela Comissão de Agricultura do Senado, nesta terça-feira 18/12. Agora a matéria será encaminhada à Câmara dos Deputados.



O relator da matéria, senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), ressaltou que a iniciativa de Russo é oportuna e tem grande mérito. Segundo ele, “é inegável que, assim como as secas severas ou os períodos de chuvas muito intensas afetam fortemente os pequenos agricultores da região Nordeste do Brasil, o mesmo ocorre com os agricultores da região Centro-Oeste”. Para ele, as populações mais carentes de ambas as regiões são igualmente merecedoras de políticas de assistência.



O benefício do Garantia-Safra já é concedido hoje aos agricultores familiares do Nordeste vítimas da seca ou de enchentes, que estão sob a área de atuação da SUDENE (Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste).

Os recursos são provenientes do Fundo Garantia-Safra, vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Agrário.

Quando apresentou a matéria, em julho deste ano, o senador Antonio Russo afirmou que “a proposta aprimora a rede de proteção social do País, estendendo para a área de atuação da SUDECO (Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste) o benefício que até hoje só chegava ao Nordeste".

Ele ainda argumentou que o Centro-Oeste é uma área altamente produtiva e também sofre com fenômenos climáticos extremos, como as estiagens prolongadas ou as catástrofes provocadas pelas enchentes. "Este projeto visa oferecer um apoio para as famílias se reerguerem após o sofrimento de perder a safra e até, em muitos casos, os seus bens materiais", afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EM PONTA PORÃ
"Guerra d’água" acontece domingo e terça-feira de carnaval na fronteira
DOURADOS
Geraldo garante asfalto e drenagem para o Parque dos Jequitibás
CAPITAL
Motorista se apresenta e confessa que matou vizinho por som alto
ECONOMIA
Dólar volta a bater R$ 4,35 e tem novo recorde de fechamento
FUTEBOL
Pia Sundhage convoca Seleção Feminina para disputa do Torneio França
CONTRABANDO
DOF realiza em Dourados maior apreensão de narguilé do ano
IRREGULARIDADES
MPMS recomenda à Assomasul que se abstenha de realizar pagamentos
DOURADOS
Policial aposentado mata homem e diz ter sido ameaçado com faca
POLÍTICA
Lava Jato denuncia Jucá e Raupp por corrupção e lavagem de dinheiro
DOURADOS
Aprovados em concurso em 2016 são convocados

Mais Lidas

DOURADOS
Ferido com tiro no peito, entregador chega pilotando moto na UPA
DOURADOS
Líderes de motim que causou estragos na Unei são levados à delegacia
DOURADOS
VÍDEO: Internos 'batem grade' e queimam colchões em princípio de rebelião na Unei
FRONTEIRA
Festa termina com aniversariante e convidado assassinados por pistoleiros