Menu
Busca segunda, 22 de julho de 2019
(67) 9860-3221
CAARAPÓ

Mais de 700 alunos são orientados em palestras contra o crime

20 outubro 2017 - 17h50Por Da Redação

Nos dia 18 e 19 de outubro de 2017, o projeto “Diga Não Ao Crime”, desenvolvido pela Polícia Militar de Dourados, desembarcou em Caarapó onde foram realizadas palestras em seis escolas, sendo quatro na cidade de Caarapó e outras duas nos distritos de Nova America e Cristalina.

A coordenação ficou a cargo do Tenente Alan Regis, que é o comandante da unidade da Policia Militar na cidade, tendo como palestrante o 1º sargento Julio CT Arguelho, idealizador do projeto e que atualmente exerce a função de Assessor de Comunicação Social do 3º BPM em Dourados.

Durante as palestras são utilizadas diversas mídias que enfatizam a ação de criminosos na fronteira, a ação dos órgãos de segurança publica no combate ao narcotráfico na região, além das consequências do uso de drogas para a saúde física, psíquica e social do usuário.

Na manha da quarta-feira (18) foi minsitrado o projeto DNC na Escola Frei João Damasceno em Nova America e na Escola Joaquim Viana na cidade de Caarapó. No periodo vespertino foi a vez da escola Padre Ancheita no Distrito de Cristalina receber o projeto. 

Já no dia 19, foram atendidos alunos da escola Moacir Franco, Escola Rui Barbosa e Escola Arcenio Rojas, todas na cidade de Caarapó.

No total o projeto atendeu mais de 700 pessoas nos dois dias de palestras, que teve uma receptividade muito boa por parte da direção, coordenação e direção das escola, além de prender a atenção dos alunos com assuntos apresentados de forma clara e dinamica pelo palestrante.

A palestra do DNC aborda assuntos como toxicologia, noções de autoridade, ação de grupos criminosos na fronteira, consquencias criminais e na saude do usuarios drogas licita e ilicitas e ação da Policia Militar no combate ao crime, principalmente o narcotrafico.

No final de cada palestra é apresentado um video institucional da PMMS com resultados operacionais de janeiro a agosto de 2017, bem como ações de cunho social, insentivando cada participante a conhecer mais um pouco da Policia Militar como opção  de profissão no futuro.

O projeto nasceu em setembro de 2015, onde a visão do idealizador era trazer adolescentes da faixa etaria dos 13 aos 17 anos, as consequências criminais advindas do envolvimento com as droga e por sua vez com o trafico de droga na região de fronteira, com a finalidade de inibir a iniciação criminal desse publico e já foi apresentado para mais de 7 mil expectadores em diversas cidades do estado.

Para maiores informações os interessados deverão entrar em contato atravez do telefone 99624-6956 ou 3902-2575. 

Conheça mais do projeto na Fan Page do Facebook www.facebook.com.br/projetodnc

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU!
Sereia! Ex-BBB Carol Peixinho faz foto embaixo d'água e ganha elogios
PARANAÍBA
Caminhão bate frontalmente com motocicleta e rapaz morre em rodovia
MEIO AMBIENTE
Fazendeiro é multado em R$ 5,5 mil por exploração ilegal de madeira
DOURADOS
Garantidos recursos para 1ª etapa do Hospital da Mulher e da Criança
RIBAS DO RIO PARDO
Avô e neta morrem após caminhonete bater de frente em carreta
CONCURSO
Ao menos 12 órgãos abrem inscrições para preencher quase 800 vagas
AMAMBAI
Morto a tiros em frente a conveniência era 'braço direito' de Jarvis Pavão
FESTA
Arraiá Universitário da UFGD será realizado nos dias 02 e 03 de agosto
GENERAL OSÓRIO
Mulher de 57 anos é assaltada quando trafegava de bicicleta
PRAZO
Inscrição para professores fiscalizar provas do Enem termina amanhã

Mais Lidas

TRÂNSITO
Mulher morre após acidente entre carro e moto
DOURADOS
Guarda flagra rapaz empurrando moto e descobre que veículo era furtado
LAGUNA CARAPÃ
Homem chega alterado em casa, bate na mãe e é preso
CLONE
Veículo roubado no Brasil é recuperado com deputado paraguaio