Menu
Busca sexta, 20 de setembro de 2019
(67) 9860-3221
AÉREO

Governo de MS pede apoio para combater queimadas em 9 municípios

11 setembro 2019 - 19h35Por Da redação

O Governo de Mato Grosso do Sul oficializou nesta quarta-feira, dia 11 de setembro, o pedido de apoio aéreo ao Cenad (Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres) para combate aos incêndios florestais na região do Pantanal e borda e Serra da Bodoquena, onde ocorrem a maioria dos focos de calor registrados pelo Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais).

A solicitação antecipa o apoio operacional do governo federal que será garantido com o decreto de situação de emergência assinado pelo governador Reinaldo Azambuja. “Estamos nos adiantando a tramitação do pedido de apoio diante da situação crítica, onde mais de 1 milhão de hectares já foram queimados no Estado em 40 dias”, disse o tenente-coronel Fábio Catarinelli, coordenador de Defesa Civil do Estado.

O decreto de situação de emergência, que será publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira, abrange nove municípios: Aquidauana, Anastácio, Dois Irmãos do Buriti, Miranda, Bonito, Bodoquena, Corumbá, Ladário e Porto Murtinho.

Rota do fogo

Sobrevoo com duração de seis horas, realizado nesta quarta-feira (11), por militares do Corpo de Bombeiros, revelou a extensão e gravidade dos focos de incêndios na região do Pantanal e na sua borda, abrangendo os municípios de Aquidauana, Miranda e Corumbá.

A visualização aérea, com as respectivas coordenadas, vai permitir uma ação planejada da Defesa Civil do Estado e das brigadas de combate ao fogo e o emprego de novos equipamentos.

O tenente-coronel Fernando Carminati, relações públicas do comando do Corpo de Bombeiros, participou do sobrevoo e informou que a situação é crítica, obrigando a aeronave a operar por instrumento devido a fumaça. Citou que o fogo é muito intenso na Fazenda Caiman, em Miranda, onde o levantamento foi feita com a presença dos técnicos que coordenam a ação de combate aos focos. “Vai permitir um combate mais eficaz e pontual no local”, disse Carminati.

O sobrevoo compreendeu oito pontos de focos, com a coordenação do coronel Valdenir Moreira, chefe do Centro de Proteção Ambiental do Corpo de Bombeiros, incluindo as rotas: Serra da Boa Sentença, Alto Rio Negro, Parque Estadual do Rio Negro, Parque Estadual Touro Morto, Fazenda Caiman, Fazenda Santa Rita (Bodoquena), Aldeia Água Branca e Pantanal de Corumbá.

A ação do Governo do Estado contou com a presença também do capitão Vinicius Gonçalves, comandante do 1º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros, que abrange os municípios de Aquidauana, Bodoquena, Miranda e Anastácio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

HOSPITAL DA VIDA
Homem morre após acidente e hospital só consegue contato com a família dois dias depois
TRÂNSITO
Acidente envolvendo colegas de trabalho mata policial na fronteira
TEMPO
Após 17 dias ‘secos’, chove em Dourados e pancadas podem seguir no sábado
SANGUESSUGA
Tetila é condenado a devolver R$ 173 mil por irregularidades na compra de ambulâncias
CAMPO GRANDE
Polícia Ambiental resgata gambá de incêndio em terreno baldio
FUTEBOL
Nove jogadores do Brasileirão são convocados para Pré-Olímpico
EXÉRCITO
Brigada Guaicurus troca comando em Dourados na segunda-feira
DOURADOS
Bêbado é preso após bater carro e derrubar muro
ESTADO
Secretaria de Estado de Saúde divulga horário de funcionamento das unidades vinculadas
DOURADOS
Associação Comercial abre inscrições para concurso de fotografia

Mais Lidas

POLÍCIA
PRF apreende caminhonete com cerca de 3 toneladas de maconha
DOURADOS
Polícia fecha “boca do Matrix” e prende acusado de vários furtos no Centro
DOURADOS
Justiça concede liberdade a mulher que liderava quadrilha presa com 1t de maconha
DOURADOS
Preso que fugiu da PED realizava serviço com outros 10 internos