Menu
Busca terça, 20 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
DEODÁPOLIS

Após morte de ex-primeira dama prefeitura decreta luto

11 setembro 2017 - 14h35

A Prefeitura de Deodápolis decretou luto oficial de três dias e ponto facultativo no município pelo falecimento da ex-primeira dama e professora Cirene Passarini Martins, que foi encontrada morta neste domingo (10).

Cirene foi casada com o ex-prefeito Manoel Martins, o ‘Manezinho’.

A decisão foi publicada no Diário Oficial desta segunda-feira (11). Segundo o Fátima News, o corpo dela foi encontrado por uma irmã, que chegou à casa na manhã de domingo, acompanhada de amigos.

Os principais indícios são de que ela tenha cometido suicídio.

"Considerando sua longa vida pública como primeira dama por quatro mandatos e serviços prestados ao município; que a mesma era servidora pública, moradora em Deodápolis há muitos anos, pessoa honesta, trabalhadora, e que deixa uma família composta de pessoas dignas dentre parentes e muitos amigos na comunidade", justifica o prefeito Valdir Luiz Sartor (PMDB) em seu decreto.

Cirene era Coordenadora do EJA (Educação de Jovens e Adultos) na rede municipal de ensino. Professora, ela sempre participou das causas sociais de Deodápolis. Nos últimos anos, lutava contra um câncer.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UNANIMIDADE
Congresso derruba vetos presidenciais e altera regras de adoção
MEIO AMBIENTE
Fazendeira é multada em R$ 93 mil por desmatamento ilegal
ECONOMIA
MS deve exportar 1 milhão de toneladas de soja pelo Porto de Concepción
CAPITAN BADO
Identificado brasileiro morto em confronto com policiais paraguaios
JUSTIÇA
STF concede prisão domiciliar a presas grávidas ou com filhos de até 12 anos
PROCESSO SELETIVO
Comarca de Três Lagoas divulga resultado da seleção para estagiários
FÁTIMA DO SUL
Ex-companheiro ameça degolar mulher por término da relação
CIDADES
Campo Grande precisa de R$ 600 milhões para recuperar malha, diz prefeito
TRÁFICO
Jovem de 23 anos é flagrado com maconha na rodoviária de Dourados
JUSTIÇA
STJ substitui prisão de Joesley e Wesley Batista por medidas cautelares

Mais Lidas

ITAQUIRAÍ
Contador é executado com cinco tiros em MS
FÁTIMA DO SUL
Bombeiros farão buscas por mulher que se recusou a entrar em casa
POLÍCIA
Acidente com caminhão carregado com cigarros mata motorista na MS-339
DESAPARECIMENTO
Ação conjunta encontra adolescente desaparecida na fronteira