Menu
Busca sábado, 17 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
CRIME AMBIENTAL

Vigilante é multado em R$ 1,5 mil por manter aves silvestres em cativeiro

12 junho 2019 - 20h20Por Da redação

Policiais Militares Ambientais de Aparecida do Taboado autuaram um vigilante de 29 anos por manter três aves silvestres ilegalmente em cativeiro. A PMA realizava fiscalização na cidade de Selvíria, quando localizou nesta quarta-feira, dia 12 de junho, as aves que eram mantidas em cativeiro sem autorização ambiental.

Duas aves da espécie curió (Oryzoborus angolensis) e uma da espécie pássaro-preto (Molothrus oryzivorus) estavam em gaiolas na residência do infrator e foram apreendidas.

O infrator, residente em Selvíria, foi autuado administrativamente e multado em R$ 1.500,00. Ele foi conduzido, juntamente com as aves e gaiolas apreendidas, à delegacia de Polícia Civil daquela cidade e responderá por crime ambiental.

Se condenado, poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção. Os animais serão encaminhados ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), na Capital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Vai ao shopping no final de semana? Feira com variedades de diversos países é a melhor pedida
POLÍTICA
PSL realiza ato de filiação hoje em Dourados
FAMOSOS
Geisy Arruda deixa bumbum em evidência e afirma: “Colocando bronze em dia”
TRABALHO CONJUNTO
Etapa de Mutirão DPVAT resulta em 58,7% de processos conclusos
EDUCAÇÃO
Weintraub diz que recursos de universidades podem ser desbloqueados
CAMPO GRANDE
Homem é preso tentando arremessar droga para interior de presídio
DOURADOS
Interdistrital tem dois jogos no domingo
GOVERNADOR EM EXERCÍCIO
Após agenda cheia, Murilo diz que projetos avançam com ministros empenhados em trabalhar pelo MS
BRASIL
Falta de recursos diminuirá expediente de militares, diz Bolsonaro
TECNOLOGIA
Testemunha nos Estados Unidos participa de audiência em MS por videochamada

Mais Lidas

DOURADOS
Polícia apresenta dupla presa por envolvimento em sequestro e identifica resto do bando
DOURADOS
Defensoria flagra pacientes sem água e comida no Hospital da Vida
POLÍCIA
Após denúncias, trio é preso por tráfico na Vila Cachoeirinha
DOURADOS
Um ano após crime, TJ ainda vai decidir se pai e madrasta vão a júri por morte de bebê