Menu
Busca terça, 10 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
NO PARANÁ

Traficante brasileiro que liderava facção é expulso pelo Paraguai

14 novembro 2019 - 20h35Por Da Redação/Campo Grande News

Mais um brasileiro apontado como líder de facções criminosas foi expulso pelo governo paraguaio e entregue às autoridades nacionais. Carlos Alberto de Lima da Silva, o “Cascão”, acusado de ser um dos principais nomes do Comando Vermelho no Paraguai, foi entregue nesta quinta-feira, dia 14 de novembro, à Polícia Federal em Foz do Iguaçu, no Paraná.

Cascão tinha sido preso ontem em Presidente Franco, na região de Ciudad Del Este. A exemplo de outros casos envolvendo traficantes tanto do Comando Vermelho quando do PCC (Primeiro Comando da Capital), o processo de expulsão tramitou em tempo recorde.

O comissário Juan García, subchefe de investigações da Polícia Nacional do Paraguai, informou ao jornal Ultima Hora que o traficante foi entregue à Polícia Federal na Ponte da Amizade e levado direto para o Rio de Janeiro, onde era procurado por tráfico de drogas e associação criminosa.

Condenado até 2037, o bandido tinha fugido da prisão no Rio de Janeiro e estava morando no Paraguai, de onde enviava drogas e armas para a facção carioca. Segundo a polícia do Rio, Cascão é braço direito do traficante “Pão com Ovo”, que comanda o tráfico na comunidade Nova Brasília, em Niterói.

A polícia paraguaia chegou ao brasileiro ao investigar plano de assalto a carro-forte na região de Ciudad Del Este. O roubo seria comandado por Cascão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Homem foi morto pela esposa com facada no peito
LOTE URBANIZADO
Agência suspende licitação para construir 190 bases habitacionais em Dourados
APÓS FESTA OPEN BAR
Acusado de matar menor em Dourados é preso no Mato Grosso após 4 anos
SAÚDE
Estado renova por R$ 4,2 milhões com grupo que gerencia hospital em Dourados
BRASIL
STF pode voltar a discutir hoje compartilhamento de dados da UIF
LEGISLATIVO
Deputados devem apreciar oito matérias durante a Ordem do Dia desta terça-feira
DOURADOS
Em 10 dias, dezembro acumula um quarto da chuva prevista para o mês
VIOLÊNCIA
Homem é assassinado pela esposa em Dourados
TRÂNSITO QUE MATA
Idoso morre cinco dias após ser atropelado em Dourados
ARTIGO
Dourados precisa de um mercado municipal

Mais Lidas

ARQUITETURA & DESIGN
Conheça o portifólio do escritório FA+MC ARQUITETURA e surpreenda com a qualidade e requinte dos nossos projetos!
DOURADOS
Travesti é assaltada por dupla de bicicleta no Centro
ESPORTE
Sul-mato-grossenses destacam-se na Copa Brasil de Wrestling
PARANHOS
Retroescavadeira furtada no Paraná é recuperada em MS