Menu
Busca quarta, 17 de outubro de 2018
(67) 9860-3221

Tiroteio deixa duas pessoas mortas em escola particular de Goiânia

20 outubro 2017 - 13h20Por G 1

Um tiroteio ocorrido na manhã desta sexta-feira, dia 20 de outubro, no Colégio Goyases, escola particular de ensino infantil e fundamental, no Conjunto Riviera, em Goiânia.

De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), duas pessoas morreram e outras cinco ficaram feridas na escola, localizada no Setor Riviera. O suspeito pelos disparos é um estudante filho de militares, que está apreendido.

Os baleados foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros. Segundo o órgão, um dos feridos foi socorrido pelo Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer) da Polícia Militar e levado para o Hugo (Hospital de Urgências de Goiânia). Outros quatro, segundo a corporação, foram levados a unidades de saúde por terceiros.

O Corpo de Bombeiros relatou ainda que uma mulher ligou no 193, se identificando como professora, e disse que uma pessoa invadiu a escola e fez diversos disparos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Atividade econômica registra terceiro mês seguido de crescimento
CAMPO DOURADO
Prestador de serviços tem cones furtados durante o trabalho
FRONTEIRA
Contratação de comissionados leva MPE a investigar prefeitura de Coronel Sapucaia
DPVAT
Campo Grande é a oitava Capital com trânsito mais violento
DOURADOS
Dupla armada ameaça e rouba amigos na Vila Maxwell
AÇÃO
Ex-prefeito da Capital tem R$ 16 milhões bloqueados pela Justiça
PEIXADA DOURADOS NEWS
Caldos, porções, assados, massas e frango para quem não come peixe; confira o cardápio para o evento
PEDRO JUAN
Suspeita de envolvimento em roubo a vereador douradense é executada na fronteira
FUTEBOL DE MS
Sem resposta do Ministério Público sobre estádios, federação adia início da Série B
TRÁFICO DE DROGAS
Dois são presos em Nova Andradina com droga que saiu de Dourados

Mais Lidas

DOIS DIAS DEPOIS
Servidora pública é encontrada nos fundos de residência que estava para alugar
DOURADOS
Cinco anos após crime, acusados pela morte de vendedor douradense vão a júri popular
DOURADOS
Familiares continuam na busca por mulher desaparecida e criticam falsos alertas
FLAGRANTE
Polícia fecha “distribuidora” de drogas em Dourados