Menu
Busca quarta, 19 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

SENAD e PF destroem 94 toneladas de maconha no PY

26 maio 2011 - 14h53

Secretária Nacional Antidrogas do Paraguai com a participação da Policia Federal do Brasil, destruíram nesta semana durante a Operação ‘Nova Aliança IV’, mais de 50 hectares de plantação de maconha e um total de 94 toneladas de maconha em terras paraguaias. Com apoio da Força Aérea.

As plantações foram divididas em 28 parcelas. Também foi queimado mais de 53 toneladas de maconha cortada, ensacado e pronto para ser prensada.
Cerca de 26 acampamentos foram destruídos, 945 quilos de sementes, 90 quilos de maconha prensada, duas motocicletas e 72 bolas de cera de haxixe.

SENAD, através de seu braço operacional executa essas tarefas com o apoio logístico da Polícia Federal do Brasil, sob o compromisso mútuo de ambos os países na luta contra a produção e o tráfico de maconha na região. Paraguai produz 80% da maconha comercializada no brasileiro.

(Informações do SENAD)

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Iza posa de biquíni na piscina e ganha comentários de Sandy e Maria Rita
CAMPO GRANDE
Idoso cai em golpe ao tentar ajudar falso sobrinho em acidente de carro
FUTEBOL
Renato será executivo de futebol e jogador do Santos ao mesmo tempo
RIO BRILHANTE
Homem é preso suspeito de ter estuprado menina de 6 anos em fazenda
JUSTIÇA
Consumidor que fez “gato” em energia é condenado a pagar dívida
FRONTEIRA
Polícia prende dupla responsável por roubom de cerca de 15 motos
UFGD
Evento sobre prevenção ao suicídio acontece até segunda-feira
JUSTIÇA
PGR recorre contra decisão de Gilmar Mendes que soltou Beto Richa
CONCURSO
UEMS recebe inscrições para dois novos Processos Seletivos
ESPORTES
Hortência é eleita a melhor da história dos Mundiais de Basquete

Mais Lidas

DOURADOS
Idoso encontrado morto na pedreira foi vítima de latrocínio
MS-164
Trio é flagrado com mais de 1t de maconha no Copo Sujo
NARCO 060
Gaeco deflagra operação contra o tráfico em MS e "mira" policiais
PONTA PORÃ
Homem é preso após matar rival e deixar corpo em rodovia