Menu
Busca segunda, 20 de agosto de 2018
(67) 9860-3221
JULGAMENTO

Rapaz que matou homem por ciúmes pega 16 anos e 6 meses de prisão

17 outubro 2017 - 18h50

O réu Heverton Nascimento de Oliveira, de 31 anos, acusado de matar Luiz Carlos Carneiro, de 45 anos, foi condenado na tarde desta terça-feira (17), por homicídio qualificado, à 16 anos e seis meses de reclusão, em regime fechado.

O julgamento ocorreu na 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande e foi presidido pelo Juiz de Direito Carlos Alberto Garcete de Almeida.

Durante o Tribunal de Júri, o Promotor de Justiça José Arturo Iunes Bobadilha Garcia, defendeu que o crime foi cometido por motivo torpe, pois agiu compelido pelo ódio vingativo em decorrência do ciúme doentio que tinha pela sua companheira Maristela Romeiro Rocha e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima.

Crime

No dia 23 de outubro de 2016, por volta das 17h30, no Bairro Nova Lima, Heverton matou Luiz Carlos, com vários disparos de arma de fogo.

Ao ser abordado pela polícia, o réu Heverton confessou o crime. A arma usada no assassinato também foi localizada pelos policias. O revólver estava escondido em uma casa na Rua Margarida Ferreira de Souza.

O rapaz foi preso em flagrante por posse irregular de arma de fogo e levado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Moraes diz que multas a caminhoneiros não podem ser perdoadas
EDUCAÇÃO
Universidades vão escolher como distribuir bolsas de doutorado
COTAÇÕES
Dólar fecha em alta e vai a R$ 3,95, maior valor desde fevereiro
SELEÇÃO ESTAGIÁRIOS
HU-UFGD divulga resultado preliminar da seleção pública de estagiários
AÇÃO CONJUNTA
Ação conjunta entre PF e PMA autua seis pescadores do Paraná por pesca ilegal
HOMENAGENS
Solenidade marca o Dia Estadual do Ensino Superior
BRASIL
Ministério Público reitera ao TSE parecer pela inelegibilidade de Lula
CAMPO GRANDE
Carro "desce" a rua após ser estacionado e cai em córrego
ELEIÇÕES 2018
Odilon nega “ataque” a Pedro Chaves e diz que nota foi endereçada àqueles que falam em sua desistência
RORAIMA
Força Nacional chega a Boa Vista para reforçar segurança na fronteira

Mais Lidas

BR-463
Acidente mata motociclista que tentava atravessar rodovia em Dourados
BRUTALIDADE
Estudante de medicina brasileira é assassinada na fronteira
FRONTEIRA
Trio suspeito de matar policial paraguaio é preso
FRONTEIRA
Dois são executados a tiros de pistola e fuzil