Menu
Busca quinta, 17 de janeiro de 2019
(67) 9860-3221
NOVA ANDRADINA

Polícia prende suspeito de colocar fogo em residência

09 novembro 2018 - 09h42Por Luiz Guilherme

Policiais do Batalhão da Polícia Militar de Nova Andradina prenderam nesta sexta-feira (9/11), um homem de 54 anos, suspeito de atear fogo em uma residência, localizada na Rua Senador Auro de Moura Andrade. 

Conforme o boletim de ocorrência, a equipe realizava policiamento ostensivo, quando foram acionados pelo Corpo de Bombeiros, que os avisou que uma casa estava pegando fogo, e o suposto autor estava no local. 

Em contato com o morador, ele relatou que não sabia como o incêndio começou, mas que estava no quintal, ouviu um barulho e quando viu a residência já estava pegando fogo. 

Segundo consta também na ocorrência, outro homem que se encontrava nas proximidades, foi apontado como sendo o principal suspeito e acabou sendo conduzido para a delegacia da cidade. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ATENÇÃO
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana em MS
BALANÇO
Guarda apreendeu quase 2t de drogas na rodoviária de Dourados em 2018
EMBOSCADA
Dupla morta em atentado foi executada a tiros de pistola 9mm
BRASIL
Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017
NOVELA
Nova personagem de Letícia Persiles aparece no presente em ‘Espelho da Vida’
TOMA LÁ, DA CÁ!
Comitiva do PSL com dois parlamentares de MS na China é chamada de "semianalfabeta" por "guru" de Bolsonaro
VINGANÇA
Após execução, fronteira entra em alerta para “guerra sangrenta” por domínio do tráfico
ATAQUE
Jornalista sofre 3º atentado em três anos e tem carro incendiado
ESTADO
16 cidades de MS fecham 2018 sem nenhum homicídio
ACORDO
Novo tratado de extradição Brasil - Argentina agiliza trâmites

Mais Lidas

DOURADOS
Rapaz assassinado em emboscada foi preso por tentativa de furto a caixa eletrônico
NOVA LEI
Multa mínima para quem capturar Dourado na próxima temporada de pesca será de R$ 2,7 mil
INQUÉRITO CIVIL
Denúncia leva MP investigar recursos destinados à Saúde de Dourados
DOURADOS
Seis são apontados por participação em emboscada que matou interno do Semiaberto